Campo Grande 00:00:00 Quinta-feira, 25 de Julho de 2024


Luis Fernando Buainain Segunda-feira, 01 de Março de 2010, 18:00 - A | A

Segunda-feira, 01 de Março de 2010, 18h:00 - A | A

Crescimento e estabilidade...

Por Luiz Fernando Buainain

Crescimento e estabilidade...

2010 começa com a chance concreta, maior do que em qualquer outro momento da nossa história, de um salto de qualidade nos investimentos, na consolidação de projetos de expansão empresarial e tomada de consciência que o país caminha para ingressar, finalmente, no seleto grupo de nações com economia estabilizada. Reflexo disso é observado sistematicamente através de notícias na imprensa internacional, inclusive com a confirmação que o Brasil é, atualmente, um dos destinos preferenciais dos grandes investidores.

Esse movimento positivo superou a fase de simples euforia e aponta para uma zona de conforto jamais alcançada pelos brasileiros, com base numa economia sólida com reflexos também na confiança de empresários e consumidores. É voz geral: a política econômica praticada atualmente no Brasil está levando o país ao seu legítimo lugar no cenário mundial.

O comércio varejista em Campo Grande, alavancado pelo bom desempenho da economia e ancorado na confiança do consumidor que permanece em alta, terminou 2009 em alta e promete fazer de 2010 um ano inesquecível. O Natal passado já foi inesquecível, o maior da década, as lojas tiveram um movimento jamais visto propiciando um fechamento nas vendas acima de 10% sobre o ano anterior, índice bem acima da média nacional que foi de 7%.
Levando em consideração todos esses fatores positivos já consolidados e as excelentes perspectivas no horizonte empresarial para o biênio 2010/2011, a Associação Comercial e Industrial de Campo Grande (ACICG) está programando grandes eventos para os próximos meses, oferecendo aos empresários do setor as melhores chances de melhorar ainda mais seus índices de crescimento e estabilidade econômica.

Nosso objetivo maior este ano é atingir a meta de 3 mil associados – estamos com pouco mais de 2 mil – e para que essa meta seja atingida é preciso sensibilizar os lojistas com uma programação criativa, eficiente e focada em resultados. Debruçamos em sugestões dos empresários locais e em propostas inovadoras já sacramentadas em outros grandes centros para elaborar uma programação voltada para o crescimento sustentado, cuidando para não tropeçar em obstáculos atualmente intransponíveis, como é o caso da pesada carga tributária que impede o crescimento do setor empresarial. Quanto a esta questão, estaremos reforçando nossa capacidade de representatividade junto ao setor público, com objetivo de garantir melhores condições de trabalho aos nossos associados.

E por falar em representatividade junto ao setor público, essa proposta foi profundamente reforçada nos últimos meses, com estreitamento das relações entre a ACICG, e seus associados, e os governos do Estado e do Município. Setor produtivo e setor público mostraram força na campanha Natal Mágico 3 em 1, abrindo as portas para uma parceria que deverá ser ainda mais consistente em 2010.O comércio varejista de Campo Grande mostra, a cada dia, sua pujança e determinação, confirmando ser o sustentáculo da economia em Mato Grosso do Sul. Estamos contribuindo para transformar o Brasil na quinta maior potência do mundo.
 

Comente esta notícia


Reportagem Especial LEIA MAIS