Campo Grande/MS, Quinta-Feira, 15 de Abril de 2021 |
27˚
(67) 3042-4141
Política
Sábado, 27 de Março de 2021, 09h:49
Tamanho do texto A - A+

Câmara municipal cobra da Agetran, aumento de ônibus circulando na Capital

Vereadores fiscalizam transporte coletivo

Laryssa Maier
Capital News

Divulgação/PMCG

Agetran instala 500 abrigos de ônibus com investimento de mais de R$ 2 milhões de reais

 

O vereador Coronel Alírio Villasanti foi até o terminal de ônibus Hércules Maymone verificar como está a situação do transporte coletivo. Após denúncia sobre superlotação, a Câmara de Vereadores determinou que alguns parlamentares fiscalizassem os terminais de ônibus na cidade.

 

“Entendo que o transporte coletivo lotado proporciona o contágio, aumentando a incidência da Covid -19. As pessoas que atuam nos serviços essenciais, e dependem do ônibus para trabalhar, não podem ficar ainda mais expostas ao vírus”, enfatizou o vereador.

 

A Câmara Municipal de Campo Grande encaminhou ofício à Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito), com cópia ao Consórcio Guaicurus, cobrando o aumento da quantidade de ônibus circulando na Capital, principalmente nos horários de pico, por conta do aumento dos casos de Coronavírus na cidade.

 

Fiscalização – Uma comissão de vereadores foi formada para fiscalizar os horários de picos nos terminais de transporte coletivo. De acordo com a assessoria, são eles: Morenão, Júlio de Castilho, General Osório, Guaicurus, Nova Bahia, Aero Rancho e Hércules Maymone.

 

A equipe está formada pelos parlamentares: Coronel Alírio Villasanti, Beto Avelar, Camila Jara, Clodoilson Pires, Dr. Sandro Benites, Professor André Luis, Ronilço Guerreiro e Tiago Vargas, que se dividirão entre os locais.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix