Campo Grande Quinta-feira, 30 de Maio de 2024


Educação e Carreira Domingo, 24 de Março de 2024, 15:47 - A | A

Domingo, 24 de Março de 2024, 15h:47 - A | A

Coluna Educação e Carreira

Leilão de imóvel: como funciona e quais as vantagens

Por Débora Ramos

Da coluna Educação e Carreira
Artigo de responsabilidade do autor

O leilão de imóveis proporciona oportunidades de negócio vantajosas para compradores, contribuindo para dinamizar o mercado imobiliário ao facilitar a liquidação de ativos e a recuperação de créditos

pcess609 / iStock

ColunaEducaçãoECarreira

..

Os leilões de imóveis vêm ganhando cada vez mais destaque como uma alternativa atrativa para quem busca adquirir propriedades de forma diferenciada e vantajosa. Mas como exatamente funciona esse processo e quais são as vantagens de participar?

Em primeiro lugar, é fundamental compreender o funcionamento básico de um leilão de imóveis. Esses eventos são organizados por empresas especializadas ou instituições financeiras com o objetivo de vender imóveis que foram retomados por falta de pagamento ou estão em processo de execução judicial.

Durante o leilão, os participantes possuem a oportunidade de fazer lances pelos imóveis disponíveis, sendo que o maior lance no final do processo é o vencedor. Existem dois tipos de leilão de imóveis: o Judicial e o Extrajudicial. No primeiro, o processo pode se prolongar, caso haja disputa legal, resultando em despesas com advogados.

Ele ocorre quando o proprietário enfrenta dívidas judiciais, o que é comum em casos de fraude, falência empresarial e heranças. Nessa modalidade, o imóvel é vendido para quitar as dívidas perante a lei, incluindo impostos.

No segundo, em tempos de instabilidade econômica, o proprietário pode ter outros credores interessados no imóvel. Por isso, uma análise detalhada prévia e o levantamento de todas as dívidas são essenciais para evitar que algumas delas recaiam sobre o comprador, como o IPTU e outras taxas.

Uma variedade de imóveis pode ser levada a leilão, incluindo aqueles em situação nas quais os proprietários não conseguiram honrar suas dívidas, tendo suas propriedades retomadas pelos credores.

Também estão sujeitos a leilão imóveis abandonados, geralmente devido a dificuldades financeiras ou questões legais, bem como propriedades confiscadas pelo governo, muitas vezes devido a atividades ilegais ou falta de pagamento de impostos. Além disso, imóveis pertencentes a empresas ou particulares podem ser vendidos por motivos financeiros, ou para fins de liquidação de ativos.

Não se limitando a residências, o leilão também abrange imóveis comerciais, como escritórios, galpões, lojas e terrenos destinados a atividades comerciais. É fundamental notar que essas propriedades podem variar em termos de condições, tornando essencial uma inspeção minuciosa antes do leilão. Ademais, é importante verificar a existência de pendências legais ou impostos devidos sobre o imóvel antes de fazer qualquer oferta.

Existem várias maneiras de descobrir leilões de imóveis. Portais especializados oferecem informações sobre datas, locais e catálogos de propriedades disponíveis. Periódicos regionais também anunciam esses eventos.

Além disso, é possível contratar leiloeiros credenciados, órgãos fiscais locais e advogados representando credores ou instituições financeiras, que podem organizar leilões. Antes de participar de um leilão, é crucial fazer uma pesquisa minuciosa para obter todas as informações necessárias sobre a propriedade e o processo envolvido.

Uma das vantagens mais significativas de participar de um leilão de imóveis é a oportunidade de adquirir propriedades a preços abaixo do mercado. Como os imóveis são vendidos em um processo de concorrência aberta, é possível encontrar verdadeiras barganhas, especialmente em casos de imóveis de alto valor que foram retomados por instituições financeiras.

Além disso, os leilões de imóveis oferecem uma ampla variedade de opções, desde casas e apartamentos até terrenos e imóveis comerciais, atendendo a diferentes necessidades e perfis de compradores.

Outro benefício importante dos leilões de imóveis é a transparência do processo. Todas as informações relevantes sobre os imóveis, como localização, características, documentação e eventuais pendências, são disponibilizadas aos participantes de forma clara e objetiva, garantindo uma negociação segura e transparente.

No fim, os imóveis de leilão se destacam como uma oportunidade única de negócio, unindo praticidade, transparência e vantagens econômicas em um só lugar. Os leilões de imóveis representam uma oportunidade única para quem busca adquirir propriedades de forma vantajosa e descomplicada.

Comente esta notícia


Reportagem Especial LEIA MAIS