Campo Grande/MS, Segunda-Feira, 15 de Agosto de 2022 |
27˚
(67) 3042-4141
Política
Quarta-Feira, 18 de Novembro de 2015, 07h:47
Tamanho do texto A - A+

Vereadores são cassados em última instância do TSE

Juliana Zorzo, Roberto Durães e Eduardo Cury serão os suplentes na Casa de Leis da Capital

Juliana Vilas Boas
Capital News

Deurico/Arquivo Capital News

Delei Pinheiro, Paulo Pedra e Thais Helena

Delei Pinheiro, Paulo Pedra e Thais Helena

Os vereadores Paulo Pedra (PDT), Thais Helena (PT) e Delei Pinheiro (PSD), tiveram seus mandatos cassados por unanimidade pelo Tribunal Superior Eleitoral, na tarde de ontem (17). O TSE acolheu o parecer do ministro Edmar Gonzaga, que rejeitou o recurso especial eleitoral apresentada pelos vereadores, resultando no mandato cassado por indícios de compra de voto, dos trÊs parlamentares.

O vereador e atual secretário de governo, Paulo Pedra (PDT), afirmou que irá recorrer e que agora é vida que segue e ainda fez uma análise da situação da Câmara em relação a atual administração.

“Dentro da Câmara agora iremos buscar o entendimento com os novos vereadores e também com os velhos, não acredito que a administração esteja sem base” respondeu Pedra.

Muito calmo e seguro, o parlamentar Delei Pinheiro disse que o estranha muito não ter sido ouvido e ser cassado mesmo com as contas aprovadas pelo TER na época da campanha.

“O TER autorizou a minha compra de combustível e a aprovou diferentemente dos outros três vereadores, Thais Helena (PT), Paulo Pedra (PDT) e do ex-vereador, Alceu Bueno que não tiveram suas contas aprovadas. Ontem eu estava em Brasília e fui comunicado apenas que o recurso não foi provido, não do afastamento imediato” justificou Pinheiro.

A reportagem procurou a vereadora Thais Helena (PT), mas não teve retorno.

Com o afastamento, os suplentes que assumem são: Juliana Zorzo (PSC), Eduardo Cury (PT do B) e Roberto Durães (PT).

Caso - Em dezembro de 2013 o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) deu efeito suspensivo à decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), que havia cassado  os três, garantindo com isso que Paulo Pedra (PDT), Delei Pinheiro (PSD) e Thaís Helena (PT) reassumissem seus mandatos na Câmara de Campo Grande onde permaneceram até agora.Paulo Pedra é hoje secretário municipal de Governo. Thais, na primeira gestão Bernal, foi secretária de Assistência Social.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix