Campo Grande/MS, Terça-Feira, 04 de Agosto de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Política
Quarta-Feira, 10 de Junho de 2020, 15h:28
Tamanho do texto A - A+

Secretário de Segurança do Estado se reúne com presidente Jair Bolsonaro

Sem pauta definida secretário espera definição de novas liberações de recursos

Juliana Brum
Capital News

O presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, juntamente do novo  ministro da Justiça e Segurança Pública, André Luiz de Almeida Mendonça  recebem nesta tarde (10), em Brasília o secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública do Estado, Antonio Carlos Videira para discutirem sobre segurança no Estado e algumas reivindicações. 

Divulgação/Capital News

Campo Grande teve 73% dos crimes resultaram em morte esclarecido

Antônio Carlos Videira se reúne às 15h em Brasília

Embora não haja uma pauta definida, Videira espera que sejam liberados recursos do Sistema Único de Segurança Pública (SUSP) e sejam anunciados novos investimentos para a segurança nas fronteiras bem como para as demais forças de segurança do País.

 

Mato Grosso Sul tem a receber em projetos que estão em trâmites oriundos de recursos do Fundo Nacional de Segurança Pública, convênios e emendas parlamentares cerca de R$ 114 milhões. Quanto às fronteiras, o Estado possui 1.517 quilômetros de fronteira, dos quais 1.131 com o Paraguai e 386 com a Bolívia, desses 549 de fronteira seca. E conta ainda com as suas divisas com 2.233,47 quilômetros sendo 448,32 com o Goiás, 84,52 Minas Gerais, 1.070,48 com Mato Grosso, 222,87 com o Paraná e 407,28 com São Paulo 407,28.

 

O encontro acontece às 15 horas no Palácio do Planalto e terá a participação dos secretários de Justiça e Segurança Publica dos estados e Distrito Federal. Segundo informações do Palácio do Planalto, também participam da reunião, os ministros da Casa Civil, Walter Souza Braga Netto e da Defesa, Fernando Azevedo e Silva.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix