Campo Grande/MS, Quinta-Feira, 06 de Maio de 2021 |
27˚
(67) 3042-4141
Política
Terça-Feira, 25 de Agosto de 2015, 10h:07
Tamanho do texto A - A+

Operação do Gaeco afasta dos cargos prefeito Gilmar Olarte e presidente da Câmara

Operação acontece desde as primeiras horas da manhã desta terça-feira e foi denominada Cofee Break

Alberto Gonçalves
Capital News

Anderson Ramos/Capital News

Gaeco operação cofee break - advogado João Amorim

Operação do Gaeco

Operação do Grupo de Atuação e Repressão ao Crime Organizado (GAECO) afasta o prefeito Gilmar Olarte e o presidente da Câmara Municipal de Campo Grande, vereador Mário César (PMDB). O fato acontece durante a Operação Cofee Break, que acontece desde as primeiras da manhã desta terça-feira (25), véspera do aniversário de Campo Grande.

 

 Saiba mais
  Gaeco faz varredura em Campo Grande com mandados de busca e apreensão para investigar “cafezinho”

  Relator do TJMS manda Câmara cumprir Lei Orgânica e afastar prefeito Gilmar Olarte

 

Deurico/Capital News

Mario Cesar e Gilmar Olarte

Mario Cesar e Gilmar Olarte

Segundo as primeiras informações da Assessoria do Gaeco, essa ação é uma continuidade à Operação da Polícia Federal, Lama Asfáltica, além de investigações sobre compra de votos de vereadores, durante a cassação do ex-prefeito Alcides Bernal.


Na decisão que afastou tanto o prefeito Gilmar Olarte como o presidente da Casa de leis, Mário César, eles também ficam impedidos de se aproximar dos respectivos locais de trabalho, prefeitura e Câmara Municipal;


O Ministério Público Estadual ainda realiza várias diligências, e o promotor Marcos Alex Veras concederá uma entrevista coletiva para explciar os detalhes dessa operação.

Segundo as primeiras informações, a operação refere-se a investigações relacionadas a políticos, compra de votos de vereadores durante a cassação do prefeito Alcides Bernal, além de dar continuidade à Operação da Polícia Federal Lama Asfáltica.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix