Campo Grande Quarta-feira, 29 de Maio de 2024


Política Quinta-feira, 20 de Novembro de 2008, 11:25 - A | A

Quinta-feira, 20 de Novembro de 2008, 11h:25 - A | A

Lanzarini é absolvido de compra de votos

Da Redação (LM)

O Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE-MS) absolveu por unanimidade, nessa quarta-feira (19) o prefeito eleito de Amambai, Dirceu Lanzarini (PR) das acusações de suposta compra de votos durante a campanha eleitoral para as eleições municipais de 2008 no município.

Ao julgar o mérito da questão os desembargadores entenderam que nas acusações eram infundadas e decidiram pela absolvição do prefeito eleito.

O CASO

Durante a campanha eleitoral desse ano, Dirceu Lanzarini e um candidato a vereador pela coligação foram acusados pela coligação adversária, que tinha como candidato a reeleição o atual prefeito de Amambai, Sérgio Barbosa (PMDB) de fornecerem duas bolas de futsal, uma camiseta de goleiro e um inflador para uma equipe de futsal feminino de Amambai que se preparava para disputar uma competição regional representando o município e não tinha material para treinar e em troca, teriam pedido votos às atletas.

Em sua defesa o prefeito eleito e o candidato a vereador negaram as acusações, porém foram denunciados pelo Ministério Público Eleitoral da 1ª Zona Eleitoral com sede Amambai, tiveram os registros das candidaturas cassados, mas conseguiu um efeito suspensivo junto o Tribunal Regional Eleitoral do Estado, continuaram com a campanha normalmente, onde Lanzarini se elegeu prefeito para governar o município durante o quatriênio, 2009/2012, já o candidato a vereador não conseguiu a eleição. (A Gazeta News)

Comente esta notícia


Reportagem Especial LEIA MAIS