Campo Grande Terça-feira, 16 de Abril de 2024


Executivo Quarta-feira, 05 de Julho de 2023, 17:23 - A | A

Quarta-feira, 05 de Julho de 2023, 17h:23 - A | A

Rota Bioceânica

Rota Bioceânica: Adriane Lopes visita presidente paraguaio em busca de parcerias

Localização estratégica e iniciativas para se tornar hub logístico colocam a Capital no centro das oportunidades de negócios

Odirley Deotti
Capital News

Divulgação/PMCG

Rota Bioceânica: Adriane Lopes visita presidente paraguaio em busca de parcerias

Prefeita Adriane Lopes esteve no Paraguai nesta quarta-feira

Nesta quarta-feira (5), a prefeita de Campo Grande, Adriane Lopes, esteve no Paraguai, onde se reuniu com o presidente Santiago Peña, para ressaltar o papel estratégico da cidade na consolidação da Rota de Integração Latino Americana (RILA). Devido à sua localização geográfica central e recursos humanos disponíveis, a capital sul-mato-grossense se torna o lugar ideal para a instalação de escritórios de negócios e centros logísticos, impulsionando um novo eixo de desenvolvimento.

Adriane Lopes enfatizou que Campo Grande está se preparando para ser um hub logístico e centro de distribuição de mercadorias, o que beneficiará as empresas brasileiras e de países como o Paraguai. Essa rota comercial permitirá o acesso a países asiáticos, importantes destinos de grãos, fibras, proteínas e minérios do Brasil.

Santiago Peña se comprometeu com a parceria entre seu país e Campo Grande, visando a integração com os Estados que fazem fronteira com o Paraguai. A hidrovia é apontada como o principal projeto de integração, e a colaboração entre as nações promete impulsionar as possibilidades comerciais. Peña já recebeu convite da prefeita Adriane Lopes para visitar a Capital de Mato Grosso do Sul.

A economia de Campo Grande pode dar um salto positivo com a operacionalização da Rota Bioceânica, que tem previsão de entrar em funcionamento em breve. As rodadas de negócios realizadas durante a Expogrande 2023, em abril, já mostraram o potencial da cidade, reunindo delegações de diversos países, como Argentina, Bolívia, Paraguai, Portugal, Itália, Luxemburgo e Chile.

Campo Grande se destaca também em outros aspectos. A capital é a 14ª mais populosa do Brasil, com mais de 897 mil habitantes, possui um PIB superior a R$ 30 bilhões e abriga mais de 122 mil empresas ativas, incluindo mais de 2.200 indústrias. A cidade lidera o ranking de menor taxa de desocupação entre as capitais brasileiras e o Distrito Federal, com 3,4% de taxa no 1° trimestre, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A Capital de MS também é reconhecida por seu ambiente favorável ao conhecimento, com diversas instituições de ensino superior, sendo a primeira colocada em segurança no Ranking Connected Smart Cities. Além disso, é a sétima melhor capital para se viver no Brasil, conquistando o título de Cidade Árvore do Mundo (Cities of the Word) e liderando o Ranking de Serviços e Cidades Inteligentes.

Além disso, para captar as oportunidades geradas pela Rota Bioceânica e antever necessidades, a cidade já abriu 20 cursos presenciais e 80 cursos on-line para mais de 10 mil jovens que quiserem se capacitar.

Divulgação/PMCG

Rota Bioceânica: Adriane Lopes visita presidente paraguaio em busca de parcerias

Visita ao país vizinho objetivou parcerias para a Rota Bioceânica

Comente esta notícia


Colunistas LEIA MAIS