Campo Grande Quarta-feira, 29 de Maio de 2024


Internacional Sábado, 06 de Dezembro de 2008, 07:30 - A | A

Sábado, 06 de Dezembro de 2008, 07h:30 - A | A

Explosão mata pelo menos 20 e fere 70 no Paquistão

Da Redação (JG)

Ao menos 20 pessoas morreram e 70 ficaram feridas nesta sexta-feira em uma explosão na cidade de Peshawar, no noroeste do Paquistão, segundo informações da polícia. A imprensa local informou que a explosão danificou vários prédios e ocorreu em uma área populosa, perto de uma mesquita xiita e de um mercado. Ainda não se sabe quem são os responsáveis pelo ataque.

O principal hospital de Peshawar declarou estado de emergência e informou que o número de mortos pode aumentar. Teme-se que ainda haja pessoas sob os escombros. Segundo o correspondente da BBC em Islamabad, Charles Haviland, o ataque parece ter sido feito com um carro-bomba. Um delegado de polícia afirmou que a bomba pesava entre 20 kg e 25 kg e parecia estar preparada para causar incêndios.

As ruas que dão acesso ao local da explosão ficaram congestionadas, o que dificultou a chegada das equipes de resgate, disse a imprensa local. De acordo com Haviland, a imprensa também afirma que uma escola de missionários fica na área da explosão e que mulheres e crianças estariam entre os mortos.

Região tribal

Horas antes, seis pessoas já tinham sido mortas no que poderia ser um ataque sectário na região tribal de Orakzai. O noroeste do Paquistão tem sido atingido por vários ataques sectários envolvendo muçulmanos xiitas e sunitas. Os xiitas correspondem a menos de 20% da população do país e milhares de militantes das duas comunidades e da maioria sunita foram mortos em ataques e represálias nos últimos dez anos. Os ataques desta sexta-feira ocorreram enquanto o Exército paquistanês realiza operações no noroeste do país contra militantes da Al Qaeda e do Taleban. (Folha on Line)

Comente esta notícia


Reportagem Especial LEIA MAIS