Campo Grande Sábado, 18 de Maio de 2024



Economia Sábado, 15 de Novembro de 2008, 09:55 - A | A

Sábado, 15 de Novembro de 2008, 09h:55 - A | A

G20 busca reforma financeira mundial para combater crise

Redação Capital News (www.capitalnews.com.br)

O encontro de cúpula do G20, que começa suas discussões neste sábado (15) em Washington (EUA). tem como principal desafio a reforma do sistema financeiro mundial, enfraquecido pela crise que começou no setor imobiliário americano e se espalhou pelo globo. 

Os representantes do grupo de 20 países – entre nações desenvolvidas e emergentes – tentarão mudar as bases do chamado sistema de Bretton Woods – nome de uma pequena cidade nos EUA escolhida como palco de uma reunião em 1944 que decidiu pela criação de organismos como o Fundo Monetário Internacional (FMI) e o Banco Mundial, pilares da economia global durante quase cinco décadas.

Se na semana passada o encontro do grupo realizado em São Paulo reuniu ministros e autoridades técnicas, desta vez estão presentes os principais chefes de Estado do mundo, atrás de respostas para evitar que o sistema financeiro planetário entre em colapso.

“Sentimos hoje um enfraquecimento, uma fragilização muito grande do sistema de acompanhamento da economia mundial”, diz o economista Roberto Giannetti da Fonseca, diretor do Departamento de Relações Internacionais e Comércio Exterior (Derex) da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo). 

“O Banco Mundial é menor que o BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), e o FMI não tem autoridade moral, está desgastado. É preciso outro órgão, mais estruturado, para coordenar as ações contra a crise. Esse será o grande tema do encontro”, completa. (Fonte: G1)

Comente esta notícia


Reportagem Especial LEIA MAIS