Campo Grande 00:00:00 Domingo, 14 de Julho de 2024


Política Quinta-feira, 03 de Novembro de 2022, 16:09 - A | A

Quinta-feira, 03 de Novembro de 2022, 16h:09 - A | A

ALEMS

Moção de congratulação ao PT gera bate-boca entre deputados

O vereador Neno Razuk que presidia a sessão precisou interferir e interromper briga

Juliana VB
Capital News

Divulgação

Moção de congratulação ao PT gera bate-boca entre deputados

Deputado conseguiu o pedido de vistas solicitado

A sessão na assembleia Legislativa desta quinta-feira (3), gerou uma confusão após o deputado Amarildo Cruz pedir uma moção de congratulação para o presidente eleito, Lula (PT). O deputado do PL, João Henrique interviu no pedido da moção alegando querer “vistas”, por discordar do pedido. 

 

“Para demonstrar que seremos resistência e oposição, quero pedir vistas pelo prazo regimental. Pedir vistas regimentais ao requerimento de moção de congratulação ao Lula”, solicitou João Henrique. O petista pediu para a Mesa Diretora se caberia tal pedido quando João Henrique falou que já havia estudado e que era possível, sim. “O senhor não estudou muita coisa. O senhor precisa estudar muito deputado”, rebateu Amarildo Cruz.

 

O deputado Pedro Kemp, interferiu e falou “O que cabe contra pedido de intervenção parlamentar? É sim ou não para pedido de moção de congratulações”, defendeu o deputado Pedro Kemp que saiu a favor de Amarildo.

 

O deputado João Henrique usou sua rede social para confirmar que o pedido foi aceito e será apresentado na próxima terça-feira (8).

Luciana Nassar/Alems

Moção de congratulação ao PT gera bate-boca entre deputados

Sessão Plenária mista

Comente esta notícia


Reportagem Especial LEIA MAIS