Campo Grande 00:00:00 Segunda-feira, 22 de Julho de 2024


Legislativo Terça-feira, 11 de Junho de 2024, 16:27 - A | A

Terça-feira, 11 de Junho de 2024, 16h:27 - A | A

ALEMS

Pedrossian Neto apresenta a quantidade de pacientes aguardando por consultas no SUS

Parlamentar retrata a saúde público como prioridade no Estado

Layane Costa
Capital News

Deurico/Capital News

Santa Casa de Campo Grande

Santa Casa de Campo Grande

A saúde pública de Campo Grande foi tema discutido na sessão ordinária desta terça-feira (11), na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS). Atualmente existem 54.185 pessoas aguardando por consultas e exames pelo Sistema Único de Saúde (SUS), segundo os dados do Sistema de Regulação (SISREG). Já para cirurgias são 17.149 pacientes na fila de espera. Esses números foram apresentados pelo deputado Pedrossian Neto.

Em novembro do ano passado, o parlamentar já havia apresentado os dados sobre a saúde durante uma audiência pública, agora, a atualização mostra uma piora em alguns itens. O tempo de espera é um deles, que saltou de 54 meses, para 116 meses.

Divulgação

Pedrossian Neto apresenta a quantidade de pacientes aguardando por consultas no SUS

Pedrossian Neto

“A fila da vergonha tem assolado muitos municípios, sobretudo na macrorregião de Campo Grande. Os dados do Sistema de Regulação revelam a deterioração sensível da saúde. Infelizmente, a atualização dos números mostra o colapso da saúde e a falência do Sistema de Regulação. Temos de fazer uma mudança na cultura, adotar transparência como instrumento de controle social”, afirmou.

Outro dado alarmante é que, em algumas especialidades, não há vagas. São as cirurgias de cabeça/pescoço, ortopédica de ombros, tornozelo, endocrinologia para pacientes diabéticos, entre outros.

O parlamentar defendeu o Projeto de Lei nº 8/2024, prevendo a criação de um Portal da Transparência, para que as pessoas possam acompanhar o andamento da fila e sua situação nela. “Só vamos ter avanço (e acabar com a judicialização), quando tivermos andamento na fila. Quando o direito do cidadão for cumprido, confirma que a política pública está sendo construída”, defende.

Comente esta notícia


Reportagem Especial LEIA MAIS