Campo Grande Segunda-feira, 24 de Junho de 2024




Meio Ambiente Terça-feira, 24 de Janeiro de 2023, 18:15 - A | A

Terça-feira, 24 de Janeiro de 2023, 18h:15 - A | A

Reciclagem

Usina em Costa Rica garante destino sustentável de resíduos sólidos

Iniciativa proporciona solução para ampliar o descarte correto e aumentar renda de famílias

Rogério Vidmantas
Capital News

Divulgação

Usina Atvos Costa Rica

Usina fez parceria com cooperativa local para ação que beneficia diversas famílias

A Unidade da Atvos, localizada em Costa Rica, região norte de Mato Grosso do Sul, iniciou uma parceria com a Cooperativa de Trabalho e Comercialização de Materiais Recicláveis do município (Coopercori) para ampliar o descarte sustentável e adequado de resíduos sólidos das operações da empresa na região. Entre os benefícios da ação, que possibilitará avanço na gestão de recicláveis na unidade, está a contribuição à renda de cerca de 25 famílias que dependem da prática da reciclagem.

 

De acordo com Wagner Tavares, gerente de Saúde, Segurança e Meio Ambiente do Polo Taquari, a parceria veio no momento certo. “A separação correta dos resíduos sólidos já faz parte do nosso dia a dia aqui na unidade. A partir de agora, com a destinação dos materiais para uma cooperativa local, além do ganho ambiental, também vamos contribuir diretamente para o desenvolvimento socioeconômico da região”, explica.

 

Desde que iniciou suas atividades em 2011, a Unidade Costa Rica conta com uma central que promove o reaproveitamento de itens residuais provenientes de todos os processos industrial e agrícola, como papel, papelão, embalagens plásticas (desde aquelas feitas com PET até invólucros de produtos químicos devidamente descontaminados) e partes plásticas derivadas da manutenção de veículos e maquinários.

 

Mensalmente, cerca de 51 toneladas de resíduos recicláveis e não recicláveis são geradas a partir das operações da planta agroindustrial e passam por etapas como coleta, triagem, segregação e identificação de materiais, até ser realizado o descarte correto. Desse total, aproximadamente 13 toneladas por mês poderão ser recolhidas pela Coopercori, que será responsável pela destinação dos itens a outras empresas que trabalham com reciclagem ou para a indústria transformadora.

 

Fundada há dez anos em Costa Rica, a Coopercori é uma das três maiores organizações de reciclagem do estado de Mato Grosso do Sul. “Estamos sempre buscando novas empresas e fazendas da região para realizar esse trabalho em conjunto”, comenta Evandro Benites Ramires, presidente da cooperativa. “A Atvos veio para somar com a nossa equipe e, graças ao empenho de todos os envolvidos, será uma parceria que vai ampliar ainda mais os ganhos dos cooperados”, pontua.

 

Por meio da iniciativa, a Atvos segue reforçando seu compromisso, como empresa signatária do Pacto Global da ONU (Organização das Nações Unidas) desde 2016, estimulando ações em linha com os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) para 2030 na sua operação e nas relações com o seu ecossistema. As ações de gestão de resíduos sólidos contribuem para o ODS 12 – Consumo e produção responsáveis, que visa reduzir substancialmente a geração de resíduos por meio da prevenção, redução, reciclagem e reuso.

 

Comente esta notícia


Reportagem Especial LEIA MAIS