Campo Grande Quinta-feira, 23 de Maio de 2024



Meio Ambiente Quarta-feira, 26 de Novembro de 2008, 10:38 - A | A

Quarta-feira, 26 de Novembro de 2008, 10h:38 - A | A

Copa vai agilizar obras importantes para o desenvolvimento do turismo

Redação Capital News (www.capitalnews.com.br)

O ministro do Turismo, Luiz Barretto, afirmou que a Copa do Mundo de Futebol de 2014 vai agilizar a execução de obras importantes para o desenvolvimento do Brasil e do turismo nacional.

“Com o apoio de todas as esferas de governo e da iniciativa privada, vamos ter condições de promover a imagem do Brasil no exterior e firmar a nossa posição comercial e política no cenário internacional. Além disso, vamos acelerar um conjunto grande de projetos em infra-estrutura nos centros urbanos”.

A declaração foi feita durante o 10º Congresso Brasileiro da Atividade Turística (Cbratur), ocorrida nesta terça-feira (25) na Câmara dos Deputados em Brasília. Copa do Mundo: Oportunidades e Desafios para o Turismo foi o tema do evento este ano.

Segundo Barretto, durante a reunião ministerial realizada nesta segunda-feira com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a ministra Dilma Rousseff, da Casa Civil, voltou a afirmar que está prevista uma linha especial do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) para os projetos de infra-estrutura ligados à Copa.

“Poderemos, com isso, ampliar os investimento em mobilidade, saneamento e nos setores de portos e aeroportos. Essas obras deixarão um legado inquestionável para o turismo, para as cidades e para o país", avaliou o ministro.

A linha especial do PAC deve ser lançada após a definição das cidades que vão sediar a Copa. O anúncio será feito pela Federação Internacional de Futebol (Fifa) em março de 2009.

O ministro lembrou, ainda, o acordo firmado entre o Ministério do Turismo e a Fundação Getúlio Vargas (FGV) para a realização anual, até 2014, de um diagnóstico de desenvolvimento dos 65 destinos indutores do turismo, com ênfase nas cidades que serão sede dos jogos.
O levantamento, acrescentou o ministro, será importante para direcionar os investimentos em infra-estrutura, qualificação profissional e a promoção turística.

Cbratur – Durante o congresso, o ministro fez uma apresentação no painel de debates Turismo e Grandes Eventos Esportivos. E lembrou as realizações do MTur e do Cbratur para o desenvolvimento do setor.

“Eventos como esse têm sido ricos para debatermos a atividade turística e esportiva no país. Eu não poderia deixar de citar que saíram daqui, por exemplo, as primeiras idéias de criar um ministério específico do Turismo”.

O Cbratur é promovido pela Comissão de Turismo e Desporto da Câmara dos Deputados, em conjunto com as seguintes entidades: Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo do Senado; frentes parlamentares do Turismo e do Esporte; Confederação Nacional do Comércio (CNC); Serviço Social do Comércio (Sesc); e Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac). O congresso recebe apoio do MTur e do Ministério do Esporte.

Parlamentares, empresários, gestores públicos e profissionais ligados ao turismo e ao esporte participaram do encontro, que terminou nesta tarde. (ASCOM)

Comente esta notícia


Reportagem Especial LEIA MAIS