Campo Grande Quinta-feira, 30 de Maio de 2024


Economia Sábado, 15 de Novembro de 2008, 07:33 - A | A

Sábado, 15 de Novembro de 2008, 07h:33 - A | A

Capitais vão receber óleo diesel mais limpo

Da Redação (JG)

O diesel vendido atualmente no Brasil tem duas especificações: S-500, para regiões metropolitanas, e S-2000, para o restante do País. Mas a partir do próximo ano,alguns veículos passarão a receber diesel S-50 e todo o S-2000 dará lugar ao S-1800. Ainda não há definição quanto à oferta do S-50 para abastecer a frota de veículos leves nas capitais.

O "S" vem de sulfur, enxofre em latim, e o número indica a quantidade em Partes por Milhão (PPM) desse elemento químico na composição do diesel. A redução é importante do ponto de vista ambiental e de saúde. "O enxofre é ácido. Quando absorvido pelas vias aéreas superiores (nariz, faringe e laringe), causa irritação por inflamação", diz Eduardo Genofre, diretor da Sociedade Paulista de Pneumologia e Tisiologia.

"E as partículas resultantes da queima do combustível, por ser muito pequenas, vão ‘longe’ nos brônquios, que são bastante ramificados", explica o médico.

Ônibus usarão S-50

Em janeiro, os ônibus urbanos das cidades de São Paulo e Rio de Janeiro começarão a utilizar o S-50 (estas duas capitais e outras 16 regiões metropolitanas brasileiras já consomem diesel S-500). Coletivos de outras cidades no entorno de São Paulo começarão a receber esse combustível somente em 2010.

Em acordo recente assinado entre governo, Petrobrás e fabricantes de veículos, as alterações no diesel serão apenas uma das formas de redução de emissões.

A aceitabilidade do teor de biodiesel, que hoje é de 2%, subirá para 5% em julho do ano que vem (a previsão legal era 2013). O documento fala também de adoção de filtros de partículas para ônibus e fiscalização contra excesso de fumaça preta. (AE)

Comente esta notícia


Reportagem Especial LEIA MAIS