Campo Grande/MS, Quarta-Feira, 16 de Junho de 2021 |
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Sexta-Feira, 11 de Junho de 2021, 10h:39
Tamanho do texto A - A+

Mato Grosso do Sul receberá 150 mil doses da vacina Janssen

Inicialmente Ministério da Saúde havia anunciado 38 mil doses ao estado

Lethycia Anjos
Capital News

Divulgação/Portal MS

Covid-19: Mato Grosso do Sul recebe novo lote de vacinas

MS receberá doses do primeiro lote de vacina da Janssen

Conselho de Secretários Municipais de Saúde de Mato Grosso do Sul (Cosems), recebeu a resposta do Ministério da Saúde a respeito da solicitação de mais doses da vacina Janssen ao estado. Conforme o Cosems, após reunião com a Comissão Intergestores Tripartite (CIT), e o Ministério da Saúde, foi acordado que MS receberá 5% do primeiro lote, o que corresponde a 150 mil doses da vacina. Inicialmente foi anunciado que o estado receberia 38 mil doses

 

Presidente do Conselho, Rogério Leite ressalta que a medida irá contribuir para a celeridade no processo de vacinação no estado. “Após a reunião informaram não ser possível o atendimento ao pleito iniciado pelo Cosems, devido a pactuação feita pela CIT-Comissão Intergestores Tripartite, com participação de Estados, Municípios e Ministério da Saúde, mas 5% do total recebido será destinado à população sul-mato-grossense. A distribuição aos municípios será pactuada com o Estado, durante reunião da CIB, com todos os gestores”, destacou via assessoria.

 

O Cosems-MS, encaminhou na última terça-feira (8), um ofício ao Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, solicitando a destinação do primeiro lote da Janssen com 3 milhões de doses ao estado para a vacinação de toda a população adulta de MS. A solicitação gerou grande repercussão no estado, e o movimento denominado #VacinaGeralMS foi um dos assuntos mais comentados no Twitter.

 

Entre as justificativas do Cosems está o avanço da pandemia em Mato Grosso do Sul, no período de janeiro a maio deste ano, o estado registrou um avanço considerável no número de casos. Segundo a instituição houve um salto de 125 mil casos para mais de 300 mil infecções pela Covid19, nos seis primeiros dias do mês de junho. 

 

“Estamos enfrentando um aumento no número de casos e óbitos acarretando uma superlotação dos leitos de UTI e uma fila de espera para leitos com 231 pessoas, acarretando na necessidade de transferência para outros Estados”, destaca o ofício. 

 

Outro ponto destacado no documento foi a eficiência logística da campanha de vacinação em Mato Grosso do Sul, visto que os lotes recebidos são encaminhados aos 79 Municípios do em aproximadamente 12 horas. “Mato Grosso do Sul vem figurando desde o início da campanha de Vacinação, como um dos dois Estados que mais aplica a vacina contra a Covid-19”, enfatiza.

 

Governador do estado, Reinaldo Azambuja (PSDB) comunicou nesta sexta-feira (11), que solicitou ao Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, um maior quantitativo de doses para MS. “Vivemos uma emergência, temos fronteiras abertas e um índice elevado de circulação viral que o nosso sistema hospitalar não suporta atender. Ele aumentou as doses, mas ainda não é suficiente. Vamos continuar insistindo, cobrando, pedindo... porque vacina é a chave que abre a porta para voltarmos à normalidade”, declarou por meio das redes sociais.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix