Campo Grande Sexta-feira, 24 de Maio de 2024


Rural Segunda-feira, 22 de Dezembro de 2008, 14:46 - A | A

Segunda-feira, 22 de Dezembro de 2008, 14h:46 - A | A

Projeto vai realizar cursos com produtores rurais

Da Redação (TA)

Com o objetivo de ajudar no desenvolvimento de pequenos agricultores, o Projeto de Apoio à Produção Sustentável no Território da Reforma pretende realizar mais de 40 treinamentos e seminários. Os cursos pretendem mostrar as potencialidades que os produtores têm em mãos, além de apresentar informações variadas acerca do plantio de maracujá e da produção de artesanato com produtos do cerrado.

Até o final de fevereiro de 2009, os diagnósticos dos produtores participantes das 11 cidades que compõem o projeto serão concluídos. Nos últimos meses, os Agentes de Desenvolvimento Rural (ADR) do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – Administração Regional de MS (SENAR/MS) percorreram o Território da Reforma para levantar informações sobre produtores rurais com perspectivas de crescimento. Anastácio, Bela Vista, Bodoquena, Bonito, Dois Irmãos do Buriti, Guia Lopes da Laguna, Jardim, Maracaju, Nioaque, Sidrolândia e Terenos foram os destinos dos agentes e do coordenador do projeto.

Antonio Minari, coordenador do projeto, afirma que a erva mate de Maracaj e a produção de bananas em Terenos devem ser os destaques entre as atividades apoiadas pelo projeto. O Projeto de Apoio à Produção Sustentável no Território da Reforma é realizado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural Administração Regional de MS (SENAR/MS), Federação da Agricultura e Pecuária de MS (FAMASUL) e Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/MS). A execução é da Fundação Educacional para Desenvolvimento Rural (FUNAR). Prefeituras e Sindicatos Rurais das cidades participantes, entre outras instituições, são parceiras do projeto. (Com informações de Sato Comunicação)

Comente esta notícia


Reportagem Especial LEIA MAIS