Campo Grande Segunda-feira, 27 de Maio de 2024


Rural Quinta-feira, 06 de Novembro de 2008, 11:28 - A | A

Quinta-feira, 06 de Novembro de 2008, 11h:28 - A | A

Custo de produção do milho alto, justifica previsão de área menor em 2008/09

Da Redação

Conforme a segunda intenção de plantio para a safra 2008/09 de milho, divulgada nesta quinta-feira pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a área a ser cultivada de milho está estimada entre 9,4 e 9,5 milhões de hectares, sinalizando uma redução entre 1,5% a 3,1%, em comparação à safra anterior.

Na Região Centro-Sul, responsável por 87% da produção nacional, ocorreram os principais decréscimos com destaque para os Estados de Goiás , Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. No Estado do Paraná, importante produtor nacional, fatores como: o elevado custo por hectare em comparação com a soja, aliado à queda dos preços recebidos pelos produtores provocaram reduções nas estimativas de área plantada, em comparação à safra anterior. Naquele Estado o plantio sofreu leve atraso, haja vista a escassez de chuvas e as baixas temperaturas registradas no período.
A cultura atravessa no momento, os estágios de germinação e desenvolvimento vegetativo.

Outro importante Estado produtor é o Rio Grande do Sul, configurando-se como o maior em extensão de áreas. Naquele Estado o levantamento sinaliza acréscimo de área, variando entre 0,5% e 2,0%. O plantio está ocorrendo dentro do calendário previsto, encontrado-se a cultura nas fases de germinação e desenvolvimento vegetativo.

De acordo com a metodologia aplicada e levando em consideração que o calendário da Região Norte-Nordeste não coincide com o da Região Centro- Sul, conservou-se os dados de área cultivada na safra passada naquela Região.

No que tange à 2a safra foram reduzidas as estimativas de produção em 7,1% em relação á safra anterior, passando de 18,7 milhões de toneladas para 17,4 milhões de toneladas, o que reduzirá o volume em aproximadamente 1,3 milhão de toneladas.

Considerando os níveis de produtividade de safras normais, sobretudo na região Centro-Sul do País, a produção Brasileira de milho 1 safra poderá atingir entre 37,0 e 37,8 milhões de toneladas, que, adicionadas ao volume estimado para a 2a Safra, totalizará uma produção entre 54,3 e 55,2 milhões de toneladas na atual temporada. (Fonte: Agência Safras)
.

Comente esta notícia


Reportagem Especial LEIA MAIS