Campo Grande Quinta-feira, 30 de Maio de 2024


Rural Quinta-feira, 06 de Novembro de 2008, 15:19 - A | A

Quinta-feira, 06 de Novembro de 2008, 15h:19 - A | A

Área plantada de algodão deve recuar até 14,5%

Redação Capital News (www.capitalnews.com.br)

A área plantada de algodão no País deve recuar de 10,6% a 14,5% em relação a safra passada, de acordo com o Segundo Levantamento da Safrão de Grãos 2008/2009, da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). A superfície cultivada com algodão no Brasil será entre 921,5 mil e 963,5 mil hectares.

O relatório aponta que reduções importantes estão ocorrendo na região Centro-Oeste (59% da produção nacional de pluma), com intervalos entre 19,7% e 15,4%, principalmente nos estados de Mato Grosso e Goiás. No oeste baiano (região de Barreiras), há tendência de redução, porém não muito expressiva, tendo em vista a logística da região (proximidade com as indústrias).

De acordo a metodologia, a Conab continua repetindo os números de área plantada para os demais estados da Região Nordeste. Outros Estados, importantes produtores como Mato Grosso do Sul, Minas Gerais e São Paulo registram, também sinalizam reduções de áreas, porém em menores proporções.

Dentre os diversos fatores que justificam a redução de área plantada, os principais são a alta nos preços dos insumos e a concorrência com a soja, cuja as cotações são mais atrativas.

As previsões meteorológicas sinalizam normalidade durante todo o ciclo da

cultura, e os produtores, como de hábito, estão adquirindo os insumos adequados ao processo produtivo, assim, a colheita esperada é entre 1.364,9 mil e 1.428,0 mil toneladas de pluma, na atual temporada, equivalendo uma redução que variará entre 10,9% e 14,8%, em relação ao volume colhido na safra passada (1.602,2 mil toneladas), quando as lavouras foram beneficiadas pelas condições climáticas.

Comente esta notícia


Reportagem Especial LEIA MAIS