Campo Grande Segunda-feira, 24 de Junho de 2024




Interior Quarta-feira, 08 de Junho de 2016, 16:36 - A | A

Quarta-feira, 08 de Junho de 2016, 16h:36 - A | A

Melhorias

Após ação do MPF, rotatória na BR-158 realiza obra de construção

As obras da rotatória foram iniciadas em maio pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT)

Marco Campos
De Três Lagoas para o Capital News

Em três anos, doze pessoas foram mortas pela precariedade na sinalização de trânsito, no cruzamento da Avenida Antônio Trajano com a BR-158, via que dá acesso ao aeroporto municipal e a zona industrial de Três Lagoas.

Divulgação/TL Notícias

Após ação do MPF, rotatória na BR-158 realiza obra de construção

Entre 2009 e 2012, foram contabilizadas 12 mortes decorrentes de acidente de trânsito na BR-158


As tragédias ocorridas naquele trecho, considerado de alta periculosidade, deram origem a uma recomendação feita pelo Ministério Público Federal (MPF) realizada em Julho de 2015 e que pedia que a sinalização da área fosse regularizada, fato este que não ocorreu até janeiro deste ano e culminou no bloqueio judicial de R$630 mil em bens da prefeita Márcia Moura e da secretária municipal de planejamento e gestão, Carmem Lucia Ribeiro Goulart, ação esta realizada a pedido do Ministério Público Federal (MPF) em ação de improbidade administrativa ajuizada contra as gestoras.

De acordo com um estudo realizado pelo MPF em parceria com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), cerca de 80% dos acidentes ocorridos naquela região poderiam ter sido evitados com a construção de uma rotatória no local.

Entre os anos de 2009 e 2012, foram contabilizadas 12 mortes decorrentes de acidente de trânsito naquele trecho, e em decorrência a este alto índice de ocorrências, a perícia técnica apresentou algumas recomendações de melhorias na iluminação pública, sinalização, acostamento, redutores de velocidade e medidas para separar o trânsito local da rodovia, com a construção de viadutos e vias marginais por exemplo.

As obras da rotatória foram iniciadas em maio pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), que acatou a recomendação do MPF e deve ser concluída até julho deste ano.

Comente esta notícia


Reportagem Especial LEIA MAIS