Campo Grande 00:00:00 Segunda-feira, 22 de Julho de 2024


ENTREVISTA Domingo, 21 de Abril de 2024, 08:44 - A | A

Domingo, 21 de Abril de 2024, 08h:44 - A | A

Entrevista

Atividade física: Gosto ou obrigação?

Mais da metade da população brasileira não se exercita regularmente,diz levantamento

Renata Santos Portela
Especial para o Capital News

Acervo Pessoal

Atividade física: Gosto ou obrigação?

A prática da atividade física é indispensável para manter uma vida saudável, diz Christian Zamprogn, especialista em treinamento esportivo

Você é do time que gosta de praticar atividade física ou este hábito ainda é um desafio? Se você respondeu que gosta, saiba que está de parabéns, isso porque a prática regular de exercícios físicos é considerada por especialistas, como um dos principais meios de promoção e cuidado com a saúde. Mas acredite, mais da metade da população brasileira não se exercita regularmente.

É o que revela uma pesquisa pelo Serviço Social da Indústria (Sesi) divulgada na Agência Brasil. O estudo concluiu que 52% dos brasileiros raramente ou nunca praticam atividades físicas. Entre os que fazem atividades físicas, 22% se exercitam diariamente, 13% pelo menos três vezes por semana e 8% pelo menos duas vezes semanais.

Mas como reverter esses dados? O Capital News conversou com o Christian Zamprogn. Especialista em treinamento esportivo.

Acervo Pessoal

Atividade física: Gosto ou obrigação?

Especialista reforça que antes de começar a se exercitar, alguns exames são indispensáveis

1. Capital News: Quando podemos dizer que uma pessoa é sedentária?

Christian Zamprogna: Quando há ausência de uma prática regular de atividade física que eleve o gasto de energia em níveis substancialmente acima do nível de repouso, mesmo que seu trabalho demande algum esforço físico.

De acordo com o Colégio Americano de Medicina do Esporte (ACSM), uma pessoa, entre 18 e 60 anos, é considerada sedentária quando se tem uma prática de atividade física leve inferior a 150 minutos por semana.

2. Capital News: Quais os riscos do sedentarismo para a saúde das pessoas? Quais doenças estão relacionadas a ele?

Christian Zamprogna: A prática da atividade física é indispensável para manter uma vida saudável e fora do sedentarismo. Pessoas sedentárias têm seu metabolismo reduzido, o que aumenta o risco de contrair várias doenças, dentre elas:

A prática da atividade física é indispensável para manter uma vida saudável

• Hipertensão arterial;
• Depressão;
• diabetes mellitus;
• Dislipidemias (presença de níveis elevados de lipídios, ou seja, gorduras no sangue);
• Excesso de peso ou obesidade;
• Acúmulo de gordura (a mais perigosa na região abdominal);
• Dor nas articulações;
• Falta de força e resistência física;
• Perda de massa muscular;
• Cansaço excessivo, falta de ânimo e disposição;
• Distúrbios do sono, como insônia e apneia.

3. Capital News: Como combater o sedentarismo de forma consistente?

Acervo Pessoal

Atividade física: Gosto ou obrigação?

É preciso criar um ambiente que proporcione experiências, sensações e emoções para o público 50+

Christian Zamprogna: A melhor forma de combater o sedentarismo é a prática da atividade física. A OMS considera não sedentários indivíduos que praticam atividade física 300 minutos por semana em intensidade moderada ou 150 minutos, três vezes por semana, em intensidade alta. Desta forma, conseguem controlar várias doenças, entre elas, as doenças cardíacas, a diabetes tipo 2 e o câncer, bem como, reduzir os sintomas de depressão e ansiedade, minimizar o declínio cognitivo, melhorar a memória e exercitar a saúde do cérebro.

4. Capital News: Pode-se dizer que as pessoas que estão acima dos 50 anos são mais sedentárias? por onde elas devem começar a se exercitar?

Christian Zamprogna: Sim, principalmente após a pandemia de covid-19, quando as pessoas 50+ foram obrigadas a ficar reclusas em casa, o que levou um grande número deste público ao sedentarismo.

5. Capital News: Como fazer com que esse público sinta gosto pelo exercício físico uma vez que a academia tradicional não é o local que a maioria se sente bem?

É preciso criar um ambiente que proporcione experiências, sensações e emoções que o público 50+

Christian Zamprogna: O segredo é fazer com que este público se sinta bem, uma vez que a academia tradicional não proporciona experiências voltadas para essa faixa etária. É preciso criar um ambiente que proporcione experiências, sensações e emoções que o público 50+ entenda como valor. Um espaço humanizado, alinhado às suas necessidades, que busca muito mais que resultados físicos e sim, bem-estar, saúde, atendimento de qualidade, segurança, tudo isso regado a boas histórias, ambiente alegre e com músicas agradáveis a estes ouvidos.

6. Capital News: A prática da atividade física oferece quais benefícios físicos e mentais?

Christian Zamprogna: A prática da atividade física oferece diversos benefícios mentais e físicos. Dentre eles, a melhora da qualidade do sono, da aprendizagem, reduzindo sintomas depressivos e de ansiedade, prevenindo e diminuindo a mortalidade por doenças crônicas como pressão alta e diabetes, melhora da força, do equilíbrio e da flexibilidade, proporcionando socialização e a convivência.

Um estudo da Universidade da Austrália Meridional, em fevereiro de 2023, praticar exercícios é até 50% mais eficaz do que os efeitos da medicação prescrita por médicos no combate à depressão. Com base em dados de, pelo menos, mil testes, com mais de 120 mil pessoas no total, os pesquisadores atestaram que a prática de exercícios por até 12 semanas foi o remédio mais eficiente dentre todos os analisados para o combate às doenças mencionadas acima.

7. Capital News: Durante a atividade física são liberados alguns hormônios, quais são eles e a sua importância para a mente e corpo?

Christian Zamprogna: A produção de endorfina e dopamina, dois dos chamados hormônios da felicidade, são produzidos durante a prática da atividade física. Além disso, proporciona a seus praticantes conhecer seu corpo e seus limites, valorizar o autocuidado, desenvolver o amor próprio além de melhorar sua capacidade física. Permite que realizem tarefas que seriam impossíveis antes de sua prática, criando neles o senso de capacidade e superação. O que lhes proporciona uma sensação de bem-estar e empoderamento, fortalecendo-os física e mentalmente.

8. Capital News: O que a pessoa sedentária deve fazer antes de iniciar uma atividade física? Quem procurar? Quais exames fazer?

Antes de começar a se exercitar, alguns exames são indispensáveis

Christian Zamprogna: Antes de começar a se exercitar, alguns exames são indispensáveis para garantir que a prática da atividade física seja, de fato, saudável e segura. O ideal é que o praticante comece por um clínico geral, que o aconselhou não apenas a uma avaliação da condição cardíaca, como também de sua densidade óssea. Para aferir as dores articulares, um ortopedista deve ser consultado. O clínico geral lhe dará as orientações iniciais sobre os médicos e exames que podem ajudá-lo a identificar inclusive alguma doença silenciosa.

Estas avaliações permitem ao futuro praticante de atividades físicas ter mais consciência de seu corpo e suas necessidades. Dentre elas:

• Ecocardiograma de Estresse Físico ou de Esforço;
• Eletrocardiograma;
• Teste ergométrico.

9. Capital News: Somente a prática da atividade física é capaz de mudar um quadro de ansiedade ou depressão?

Christian Zamprogna: Em muitos dos casos, o que falta para o indivíduo é o autoconhecimento, aliado a estas “substâncias naturais” produzidas pelo corpo humano durante a atividade física.

10. Capital News: Quais hábitos, além do exercício físico, devem ser adotados numa vida acima dos 50 mais saudável.

Christian Zamprogna: São vários, mais os principais:

a. Hidratação adequada;
b. Alimentação equilibrada;
c. Pausas para meditação ao longo do dia;
d. Sono de qualidade;
e. Reservar um tempo para cuidar de si;
f. Cuidar de sua saúde mental.

Comente esta notícia


Reportagem Especial LEIA MAIS