Campo Grande/MS, Sábado, 18 de Setembro de 2021 |
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Sexta-Feira, 30 de Julho de 2021, 16h:05
Tamanho do texto A - A+

Veículos apreendidos podem ser pesquisados em nova plataforma

Medida atende uma resolução de novembro do CNJ

Elaine Silva
Capital News

Divulgação/TJMS

Veículos apreendidos podem ser pesquisados em nova plataforma

Site de pesquisas de bens aprendidos

Corregedoria-Geral de Justiça do TJMS, disponibiliza uma nova plataforma de pesquisa no portal do Tribunal para localização de veículos subtraídos de seus verdadeiros proprietários. Medida é em consonância com a política do CNJ que determina ao Judiciário a busca ativa das vítimas e a restituição de seus bens apreendidos em processos criminais. 

 

Em novembro do ano passado, o CNJ editou a Resolução n. 356/2020, a qual, dentre outras considerações, ressaltou o encargo dos magistrados de prover proteção, manutenção e oportuna restituição ou destinação de bens apreendidos em procedimentos criminais. Neste mesmo documento, foi estipulado que os juízes de primeiro e segundo grau, de acordo com suas atribuições, devem realizar busca ativa e restituição do bem apreendido à vítima, quando cabível e na medida das possibilidades.

 

Deste modo, valendo-se de parceria já firmada com a Secretaria de Segurança Pública, a qual garante uma integração cada vez maior de dados entre o Judiciário e o corpo policial, elaborou-se lista dos veículos apreendidos pela polícia judiciária de todo o Estado durante o período de 2018 a 2021. De posse de tal inventário, o TJMS criou uma plataforma de pesquisa, de modo que os interessados possam localizá-los e, assim, entrarem em contato com a delegacia da apreensão ou Vara na qual tramita o processo judicial respectivo.

 

Conforme o TJMS A pesquisa pode ser realizada no endereço eletrônico https://www.tjms.jus.br/veiculos-apreendidos  pela placa e Renavam do automóvel, sendo que o resultado apresenta apenas dados gerais do veículo buscado, a fim de desencorajar clonagens. Ainda que o veículo já tenha sofrido alienação por leilão judicial, será possível encontrá-lo na busca, devendo a vítima requerer a restituição do valor ao juiz competente. É importante destacar, no entanto, que os veículos apreendidos podem conter elementos identificadores falsos (placa, chassi, numeração dos motores, dentre outros) e nem sempre é possível identificar os números originais, de forma que a pesquisa não possui eficiência absoluta.

 

Serviço 

Por hora, cidadãos, seguradoras, locadoras e instituições financeiras, encontrando seu bem na listagem, podem entrar em contato com as delegacias e varas judiciais pelos telefones disponíveis nos links https://www.pc.ms.gov.br/servicos-2/busca-unidades/ e https://www5.tjms.jus.br/servicos/pabx/, respectivamente.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix