Sexta-feira, 24 de Maio de 2024


Cotidiano Sexta-feira, 07 de Novembro de 2008, 17:08 - A | A

Sexta-feira, 07 de Novembro de 2008, 17h:08 - A | A

Radar estático vai fiscalizar 52 vias na Capital

Da redação (LM)

A Agência Municipal de Transporte e Trânsito conta, a partir de agora, com mais um instrumento para fiscalizar o abuso de velocidade nas principais vias da cidade. É o radar estático que, por ser instalado num veículo, permite que seja colocado em operação em qualquer local e horário estabelecido pela Agetran. Entre os dias 10 e 16 de novembro, próxima semana, o equipamento começa a ser utilizado com vistas à definição do plano operacional e, também, para que seja conhecido pela população. A aplicação de multas para os infratores terá início no dia 17 próximo.

O objetivo é ganhar agilidade no monitoramento do tráfego, já que o veículo possibilita a fiscalização de infrações em pontos variados, garantindo uma fiscalização de toda a Cidade. Além disto, o veículo permite ações de fiscalização pontuais, para garantir a segurança em locais, dias e horários específicos, como dias de jogo, festas ou até mesmo em locais em que existe a possibilidade de acontecer rachas.

“Como ele está instalado dentro de um carro identificado, fica bem visível e, durante uma semana, será mostrado para a população. Nosso objetivo é demonstrar que há abuso de velocidade, cometido por uma parcela da população e combater a sensação de impunidade”, argumentou o diretor geral da Agetran, Carlos Lanteri. Na próxima semana, Lanteri se reunirá com conselhos regionais para apresentar o equipamento. “Até por quê, o maior número de solicitações que recebemos está relacionado ao excesso de velocidade”, observou o diretor da agência.

Lanteri lembrou que o Código de Trânsito Brasileiro proíbe a implantação de lombadas transversais, sistematicamente solicitada pela população para conter excesso de velocidade. Inicialmente, a fiscalização será feita em 52 vias arteriais, cuja velocidade máxima permitida é de 60 km/h, de acordo com o CTB e lei complementar municipal n° 76/2005 que classifica as vias urbanas. Segundo levantamento da Agetran, 75% dos acidentes são provocados por desrespeito ao limite de velocidade estabelecido para a via.

Além de fazer com que o radar seja deslocado para vários pontos da cidade, durante a próxima semana, em cumprimento ao que determina a Resolução n° 214 do Contran (Conselho Nacional e Trânsito), a Agetran também informará os motoristas da presença do equipamento, por meio de faixas colocadas alguns metros antes de onde o veículo estará estacionado.

Para escolha das vias que serão fiscalizadas, a Agetran levou em conta critérios técnicos como número de acidentes e constatação de excesso de velocidade. São elas; Gury Marques, Gunter Hans, Duque de Caxias, Sólon Padilha, Dom Antonio Barbosa, Coronel Antonino, Cônsul Assaf Trad, Ministro João Arinos, Nelly Martins (Via Park), Luiz Alexandre de Oliveira (Via Park), Ricardo Brandão, Marquês de Pombal, Três Barras, José Vieira Nogueira, Olavo Vilela de Andrade, Guaicurus, dos Cafezais, da Divisão, Santa Quitéria, Escaramuça, Evelina Selingardi, Thirson de Almeida, Manoel da Costa Lima.

Também serão fiscalizadas as vias: Senador Antonio Mendes Canale, Ezequiel Ferreira Lima, Sertãozinho, Bandeirantes, Brilhante, Presidente Ernesto Geisel, Rachid Neder, Tamandaré, Presidente Vargas, Júlio de Castilhos, Mascarenhas de Moraes, Marquês de Herval, Jerônimo de Albuquerque, Ana Rosa Castilho Campos, Ayrton Senna, Atlanta, Hiroshima, Mato Grosso, Afonso Pena, Fábio Zahran, Eduardo Elias Zahran, Salgado Filho, Costa e Silva, Tiradentes, Ceará, Fernando de Noronha, Aracruz, Fraiburgo e Gal. Alberto C. de Mendonça Lima. (Prefeitura Municipal)

Comente esta notícia


Reportagem Especial LEIA MAIS