Campo Grande/MS, Sexta-Feira, 03 de Dezembro de 2021 |
27˚
(67) 3042-4141
Colunistas
Quarta-Feira, 20 de Outubro de 2021, 07h:29
Tamanho do texto A - A+
Colunistas

Portas se abrem para Rose 2022

Por Marco Eusébio

Da coluna Entrelinhas da Notícia
Artigo de responsabilidade do autor

Facebook/Reprodução Arquivo

ColunaMarcoEusébio

Waldeli, do MDB, sobre Rose: 'ótimo nome para chapa majoritária em Mato Grosso do Sul'

A deputada federal Rose Modesto (PSDB) que, desde o segundo turno pela Prefeitura em Campo Grande em 2016 sonha em voltar a disputar uma eleição majoritária, só não será candidata ao Governo de Mato Grosso do Sul no ano que vem se não quiser. Como seu partido já tem o secretário Eduardo Riedel (Infraestrutura) como pré-candidato à sucessão do governador Reinaldo Azambuja, outras siglas estão abrindo espaço para sua candidatura ao cargo. O mais recente convite é do União Brasil, feito pela senadora Soraya Thronicke, cotada a comandar no estado a sigla "gigante" que está sendo criada com a fusão DEM-PSL. Com isso, lideranças do MDB já avaliam uma aliança com Rose. A primeira opção seria tê-la como vice de André Puccinelli. Caso o ex-govenador não saia candidato, o MDB poderia indicar um vice para Rose. Entre os prováveis nomes, aparece o ex-prefeito de Costa Rica, Waldeli dos Santos Rocha. Consultado, conforme divulgado na edição deste domingo do diário O Estado, de Campo Grande, o Waldeli me respondeu: "A deputada Rose Modesto é um ótimo nome para chapa majoritária em Mato Grosso do Sul. Tê-la junto com o MED seria muito bom para a política sul-mato-grossense".

 

 

LEIA A COLUNA DE HOJE CLICANDO AQUI EM MARCO EUSÉBIO IN BLOG

 

 



 


 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix