Campo Grande/MS, Domingo, 25 de Agosto de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Opinião
Terça-Feira, 12 de Fevereiro de 2019, 12h:11
Tamanho do texto A - A+

Os calos nas pregas vocais de Xuxa

Por Profa. Dra. Marta Assumpção de Andrada e Silva

Artigo de responsabilidade do autor
Envie seu artigo para opiniao@capitalnews.com.br

Foi noticiado na última semana que a apresentadora Xuxa novamente estaria com problema de rouquidão na voz causado por uma lesão laríngea que se chama nódulos vocais, popularmente conhecidos como calos. A alteração geralmente vem associada a uma fenda triangular médio posterior. Essa fenda impede o fechamento completo das pregas vocais, isso faz com que a voz fique soprosa (“com ar”) e a pessoa gaste mais ar para falar.

Divulgação

Marta Assumpção de Andrada e Silva - Artigo

Marta Assumpção de Andrada e Silva

 

Os nódulos são lesões benignas que são absorvidos com terapia fonoaudiológico. Xuxa comentou que o problema surgiu por ela não ter feito aquecimento vocal antes da gravação do programa. Sem dúvida nenhuma, aquecer a voz é importante, mas geralmente essa não é a causa desse tipo de problema.

Os nódulos são causados na maioria dos casos por uma pessoa que fala sem saber “administrar bem o ar”, ou seja, fala “até o final do ar”, além disso também é comum ser característico desses quadros usar um volume de voz elevado sem saber apoiar a voz.

A Xuxa tem uma voz com uma frequência mais aguda, com intensidade reduzida e dificuldade de projeção, para apresentar um programa ela precisa de mais potência vocal e por isso muitas vezes ela deve fazer força e de alguma forma sobrecarregar sua laringe. Tenho certeza que uma terapia fonoaudiológica lhe trará muitos benefícios e além de imprimir uma rotina de aquecimento a ajudará a resolver esse problema de voz.

 

 

*Profa. Dra. Marta Assumpção de Andrada e Silva

Fonoaudióloga, Chefe de Departamento de Distúrbios da Comunicação Humana do Curso de Fonoaudiologia da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (FCMSCSP) e Coordenadora do Ambulatório de Artes Vocais da Santa Casa de São Paulo.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix