Campo Grande Quarta-feira, 29 de Maio de 2024


Cotidiano Sexta-feira, 07 de Novembro de 2008, 10:48 - A | A

Sexta-feira, 07 de Novembro de 2008, 10h:48 - A | A

Campanha de vacinação contra a rubéola vai até o dia 30 em MS

Da Redação (JG)

Em Mato Grosso do Sul, foram aplicadas até a data de hoje (7) 699.486 doses da vacina contra a rubéola. Os dados são da Coordenadoria de Imunização da Secretaria de Estado de Saúde e correspondem a 89,87% da população que recebeu a vacina dupla viral (contra sarampo e rubéola).

Dos 78 municípios, 41 já atingiram a meta de imunizar 95% dos homens e mulheres com idade entre 20 e 39 anos. As outras 31 cidades têm até o dia 30 de novembro para vacinar e digitalizar os dados da cobertura junto ao Ministério da Saúde. Até este prazo, a vacinação continua em todas as unidades de saúde da Capital e no interior.

A rubéola é uma doença infecto-contagiosa causada pelo vírus da família Togaviridae. Quando a doença acomete crianças, as principais conseqüências para a saúde do paciente são cegueira, surdez e retardo mental. Nas mulheres grávidas, a infecção causada pelo vírus da rubéola resulta na má formação congênita no bebê.

Em agosto, o Ministério da Saúde lançou campanha nacional para eliminação da doença, com a meta de vacinar, aproximadamente, 70 milhões de pessoas de ambos os sexos durante cinco semanas, em todo o País. Os trabalhos tiveram que ser prorrogados por duas vezes, pois muitos estados não alcançaram a cobertura estipulada em 95% dos brasileiros em idade fértil.

Foram investidos pelo governo federal mais de R$ 204,8 milhões na campanha contra a rubéola. O custo por pessoa vacinada é de R$ 2,90. No entanto, estima-se que, por cada dólar que é investido na estratégia de vacinação são economizados US$ 12 no tratamento de crianças portadoras da Síndrome da Rubéola Congênita. No ano 2007, foram mais de 5,5 mil casos confirmados no País.

Comente esta notícia


Reportagem Especial LEIA MAIS