Campo Grande/MS, Domingo, 24 de Setembro de 2017 | 11:44
27˚
(67) 3042-4141
Rural
Terça-Feira, 11 de Julho de 2017, 08h:37
Tamanho do texto A - A+

Associação se reúne com Ministério para debater valor de prêmio do milho em leilões

Os novos pregões foram anunciados pela Conab

Flavia Andrade
Capital News

Divulgação/Famasul

Custo na produção agrícola começa a receber mapeamento econômico

Os novos pregões foram anunciados pela Conab

Nesta terça-feira (11), a Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul (Aprosoja/MS) vai a Brasília para tratar do valor do prêmio de milho que será disponibilizado para dois novos leilões.

Anunciado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), os novos pregões trazem a expectativa da Aprosoja/MS, de que dessa vez, o prêmio permita, de fato, acesso ao preço mínimo oficial.

Recentemente, foi disponibilizada a quantia de R$ 1,32 de prêmio a Mato Grosso do Sul, mas, devido ao atual valor da saca de 60 kg no Estado, o prêmio não permite ao produtor rural alcançar o preço mínimo oficial, que é de R$ 19,21.

Os novos editais, n° 137/2017 e nº 138/2017 de PEP (Prêmio para Escoamento de Produto) e Pepro (Prêmio Equalizador Pago ao Produtor), respectivamente, podem ser conferidos no site da Conab.

 Novos leilões

A data estipulada para a realização dos pregões eletrônicos é dia 13 de julho, próxima quinta-feira, às 9h do horário de Brasília (DF). Para participar, o produtor de milho de Mato Grosso do Sul precisa se credenciar. As informações completas para isso constam em um manual disponível no aplicativo para smartphone da entidade: APROSOJA MS, disponível para iOS e Android.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Trinix