Campo Grande/MS, Terça-Feira, 27 de Junho de 2017 | 06:27
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Segunda-Feira, 02 de Janeiro de 2017, 10h:08
Tamanho do texto A - A+

Policial rodoviário federal é solto um dia depois de matar empresário

Empresário foi morto em briga de trânsito após fechar carro de policial

Myllena de Luca
Capital News

Reprodução

Em briga de trânsito empresário é morto a tiros nesta madrugada na Capital; policial rodoviário federal é suspeito dos disparos

Caso aconteceu no último dia do ano

O policial rodoviário federal, Ricardo Hyun Su Moon, foi solto na noite de domingo (1º), um dia depois de ter matado o empresário Adriano Correia do Nascimento. O crime aconteceu após uma briga de trânsito na manhã de sábado, na avenida Ernesto Geisel, em Campo Grande.

O juiz José de Andrade Neto afirma que não existe a indício de que o policial rodoviário federal vá atrapalhar as investigações. Ricardo não apresenta antecedentes criminais.

O empresário foi alvo dos disparos. A briga começou após a caminhonete fechar o carro do agente. A vítima morreu no local e foi enterrado na tarde do primeiro dia do ano de 2017. Um dos passageiros foi baleado e o outro se feriu com a batida da caminhonete no poste.

O policial rodoviário federa estava sozinho no carro e seguia para o serviço. O caso está sendo investigado pela 1ª Delegacia de Polícia Civil de Campo Grande.

 

Vídeo

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix