Campo Grande/MS, Segunda-Feira, 17 de Junho de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Terça-Feira, 11 de Junho de 2019, 10h:54
Tamanho do texto A - A+

Suspeito de matar mulher estrangulada continua foragido

Namorado seria o autor do crime; ele ainda tentou estrangular a filha da vítima de 14 anos

Elaine Silva
Capital News

Deurico/Capital News

Foto ilustrativa da fachada da Casa da Mulher Brasileira

Suspeito ainda está foragido; motivo do crime ainda não foi revelado

Érica Aguilar Pereira, 39 anos, foi encontrada morta em cima da cama e o principal suspeito é o namorado identificado como ‘Biscoito’. O suspeito ainda teria tentado estrangular a filha da vítima de 14 anos, enquanto dormia. O crime aconteceu nesta madrugada (11), no residencial Reinaldo Buzanelli, no Ramez Tebet, em Campo Grande. 

 

A filha de Érica foi quem acionou os vizinhos.Conforme os relatos na casa estava a menor e um menino de 5 anos, também filho da vítima. O suspeito teria cortado a energia elétrica da casa. A adolescente foi dormir com o irmão quando acordou com ‘Biscoito’ tentando estrangulá, em determinado momento ela conseguiu se livrar e viu a mãe morta em cima da cama amarrada com lençol e algumas roupas abaixadas. A jovem então saiu da casa pedindo socorro aos vizinhos que acionaram a Polícia Militar. 

 

‘Biscoito’ fugiu e ainda não foi localizado. O corpo de Érica foi encaminhado para o  Instituto de Medicina e Odontologia Legal (Imol) e o caso será investigado Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam). 

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix