Campo Grande/MS, Quarta-Feira, 12 de Dezembro de 2018 |
27˚
(67) 3042-4141
Saúde
Terça-Feira, 14 de Abril de 2015, 08h:46
Tamanho do texto A - A+

Sesau realiza exames de fígado não-invasivos nesta terça

Taciane Peres
Capital News

A Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) realizará, nesta terça-feira (14), exames gratuitos do fígado com uma máquina de última geração, sem necessidade de biópsia, para pacientes portadores de hepatite. A iniciativa, inédita em Campo Grande, só será possível devido a uma parceria com a Associação Brasileira de Portadores de Hepatite (ABPH), que está percorrendo o país com a campanha Fibroscan Itinerante.

O exame em questão se chama Fribroscan e se assemelha a um ultrasson. O aparelho, que será cedido gratuitamente para os exames, é de propriedade da ABPH. “Estamos muito felizes por estarmos em Campo Grande para realizar a primeira parada nessa grande cruzada nacional contra a Hepatite C. A Fibroscan lê, em 3 minutos, a rigidez do órgão e diz se ele está bom ou se tem algum grau de Fibrose”, destaca Humberto Silva, presidente e fundador da ABPH.

Por estar indisponível na rede pública e raro até mesmo em clínicas e hospitais particulares, os exames com a Fibroscan são muito caros, restando ao portador de hepatite com baixo poder aquisitivo recorrer somente às técnicas de biopsia para constatar a saúde hepática. Atualmente, os exames com a máquina também são oferecidos sem custo para portadores de hepatite nas clínicas da ABPH, que ficam nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre. “Como muitos portadores de outras cidades têm lamentado o fato de não terem acesso ao exame, a ABPH resolveu iniciar o projeto de Fibroscan Itinerante para combater a doença”, explica Humberto.

Testagens gratuitas

Além dos exames Fibroscan, que já foram previamente marcados para pacientes que realizam tratamento pelo SUS, a Sesau já oferece, desde ontem (das 8h30 às 15h), testes rápidos gratuitos de hepatite tipo C. Ambos os serviços ocorrem nas dependências do Centro de Doenças Infecto-parasitárias (Cedip), do Hospital Dia (Rua dos Coqueiros s/n, Nova Bahia). O hepatologista da ABPH, Dr. Rogério Alves,  e infectologistas da Sesau também acompanharão o mutirão.

As ações de testagem são de extrema importância, uma vez que mais de 3 milhões de brasileiros carregam o vírus sem saber. "O teste é fundamental, pois a hepatite viral do tipo C é uma doença silenciosa e uma das maiores causas de transplantes de fígado. O teste é indolor, fazemos apenas um furo no indicador do paciente. O resultado sai em cerca de 10 minutos“, explica a enfermeira Katiucha Mendes de Menezes, gerente do Cedip. "Um alerta da associação é que existe um grupo de risco, que são os nascidos entre 1945 e 1965. Todos dessa geração têm que fazer o teste pelo menos uma vez na vida”, conclui Humberto.

Os testes de hepatite também podem ser realizados gratuitamente no Centro de Testagem e Aconselhamento da Prefeitura de Campo Grande, na Rua Anhanduí, s/n (com a Av. Fernando Corrêa da Costa),  das 7h às 10h e das 13h às 16h. Outras informações estão disponíveis no telenfone 3314-3133.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix