Campo Grande 00:00:00 Domingo, 14 de Julho de 2024


Política Sexta-feira, 18 de Novembro de 2022, 11:57 - A | A

Sexta-feira, 18 de Novembro de 2022, 11h:57 - A | A

Política

Advogado Terena é o quarto Sul Mato-grossense a compor transição de Lula

Luiz Eloy é reconhecido internacionalmente em sua atuação na defesa de seu povo

Juliana Fernandes
Capital News

Vinicius Loures/Câmara dos Deputados

Advogado Terena é o quarto Sul Mato-grossense a compor transição de Lula

O rapaz é reconhecido por defender os direitos de seu povo além do pedido de demarcação de terras indígenas no país

Quarto nome de um Sul Matogrossense a compor a equipe de transição do governo Lula foi noticiado na noite de ontem (17), pelo vice-presidente eleito e coordenador da transição, Geraldo Alckmin (PSB).

 

O escolhido da vez é o Advogado indígena, pós-doutor e coordenador jurídico da Apib (Articulação dos Povos Indígenas), o sul-mato-grossense Luiz Eloy Terena. O rapaz é reconhecido internacionalmente e já estava no radar do presidente lula durante a campanha. O nome de Eloy chegou a ser cogitado para o Ministério dos Povos Originários.

 

Eloy Terena

É uma das lideranças indígenas de Mato Grosso do Sul e vem ganhando destaque internacional em sua atuação em defesa dos povos originários. Nascido na aldeia Ipegue, em Aquidauana, se formou em Direito em Campo Grande e também cursou mestrado, doutorado e pós-doutorado em Paris, na França.

 

O jurista também atua em ações movidas pela Apib em processos de demarcação de terras. Atualmente, Eloy coordena a Especialização em Direito para Povos Indígenas da PUC do Rio de Janeiro.

 

Os demais integrantes do estado na equipe de transição, são a Senadora Simone Tebet (MDB), o ex-deputado João Grandão (PT), Aparecida Gonçalves e agora o advogado Eloy Terena.

Comente esta notícia


Reportagem Especial LEIA MAIS