Campo Grande/MS, Domingo, 26 de Março de 2017 | 14:55
27˚
(67) 3042-4141
Rural
Sexta-Feira, 17 de Fevereiro de 2017, 09h:17
Tamanho do texto A - A+

Qualidade na produção é garantida através do Monitoramento da soja

Com o aumento das chuvas e a probabilidade maior de aparecimento da ferrugem asiática, 100% da área está sendo monitorada

Flavia Andrade
Capital News

Divulgação/Assessoria

Plantio de soja alcança 76% da área referente à safra 2015/16 em Mato Grosso do Sul

Prevenção a ferrugem asiática é realizada através de monitoramento

Durante o início da colheita que tem grande expectativa de ultrapassar valor alcançado no ano anterior na produção de soja, os agrônomos da Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) não param. Nos últimos 5 meses, já foram monitorados e cadastrados 765.259 hectares da cultura para prevenção da ferrugem asiática, principal praga que acomete a oleaginosa.

 

O monitoramento está sendo realizado em 100% da área, reforçando a proteção a safra, uma vez que as chuvas começaram a aumentar e podem favorecer o aparecimento da praga. “Estamos orientando o produtor a identificar a presença da ferrugem e fazer seus controles curativos. Pois, mesmo comprovando uma diminuição nos focos de ferrugem e de outras pragas, principalmente das lagartas desfolhadoras, estamos atentos para garantir a sanidade da lavoura até o final da colheita”, disse o gerente de Sanidade Vegetal da Adapec, Marley Camilo de Oliveira.

 

De acordo com o levantamento da Conab que aponta ainda um aumento de 10,1% na área plantada resultando em 899.570 hectares. Segundo o presidente da Adapec, Humberto Camelo, do plantio à colheita os técnicos acompanham os trabalhos no campo, especificamente para prevenção e controle da ferrugem asiática. “Este trabalho contínuo atrelado ao clima benéfico e a parceria dos sojicultores interferem de forma positiva no sucesso da produção. Com isso, a economia fica fortalecida e todos saem ganhando” disse.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix