Campo Grande/MS, Quarta-Feira, 24 de Maio de 2017 | 19:31
27˚
(67) 3042-4141
Rural
Terça-Feira, 14 de Fevereiro de 2017, 07h:43
Tamanho do texto A - A+

Preço da soja pode ceder com novas ofertas, mas demanda ainda é muito intensa

A projeção da safra pela Conab é de 104 milhões de toneladas

Flavia Andrade
Capital News

Aprosoja

Em apenas 15 dias 5,4% da área de soja é semeada em MS

Ao todo 5,4% da área de soja acompanhada pelo Siga MS iniciou o plantio até 30 de setembro

Um novo cenário pode se desenhar para os preços da safra de soja, entre as duas temporadas, porém, o potencial, a força e presença da demanda continuam sendo avaliados e assim, diante de novos fatores e outros a serem definidos, a safra de soja da América do Sul está caminhando para seus estágios finais, as projeções estão mais otimistas do que há alguns meses e a safra já começa a ser preparada nos Estados Unidos, onde o que mais chama a atenção agora é a disputa por área entre a oleaginosa e o milho.

Um levantamento feito pela Radar Investimentos mostra as projeções de algumas das principais consultorias brasileiras, além da Conab(Companhia Nacional de Abastecimento) e do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos), e aponta que as empresas nacionais se mostram bastante otimistas com a produção brasileira 2016/17.

Enquanto o último reporte do USDA projeta uma safra de 104 milhões de toneladas, a Conab, em seu último reporte divulgado nesta quinta-feira (9) estimou 105,55 milhões de toneladas e o número esperado pela Safras & Mercado é ainda expressivo, já que trabalha com uma colheita de 106,9 milhões de toneladas.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix