Campo Grande/MS, Sexta-Feira, 19 de Janeiro de 2018 | 21:53
27˚
(67) 3042-4141
Rural
Quinta-Feira, 11 de Janeiro de 2018, 18h:57
Tamanho do texto A - A+

Cadastro de plantio de soja em MS encerra com 93% de adesão

Na safra 2014/2015, 85% dos produtores cadastram as áreas

Esthéfanie Vila Maior
Capital News

O cadastramento das áreas onde os produtores de Mato Grosso do Sul plantaram soja na safra 2017/2018 encerrou nesta quarta-feira (10), com adesão de 93%. A ação fundamental para implementação de importantes medidas de Defesa Sanitária Vegetal no Estado.

Kelly Ventorim / Governo de MS

Cadastro de plantio de soja em MS encerra com 93% de adesão

Mato Grosso do Sul ocupa a 5ª posição no ranking nacional de produção de soja em grão

Na safra 2014/2015, 85% dos produtores cadastram as áreas. No ano seguinte, o número subiu para 89%.

 

Em Mato Grosso do Sul, a previsão era de 2.671.684 hectares de soja cultivados por mais de 12 mil produtores em 76 dos 79 municípios do Estado. A produtividade projetada era  na média de 54,0 sacas/ha, alcançando volume de grãos de aproximadamente 8,3 milhões de toneladas de produção total.

 

As ações de defesa foram intensificadas pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro).

 

Para o secretário em exercício da Semagro, Ricardo Senna, o planejamento e execução das ações foram fundamentais para que os resultados em todos os setores da Iagro fossem satisfatórios e de nível elevado. “Nosso Estado tem sua economia baseada na produção. Criar condições para que tenhamos segurança é dever do Estado e uma das prioridades dentro deste Governo.

 

A equipe da Iagro e da Secretaria fizeram em 2017 algumas das mais importantes entregas deste Governo, principalmente na área da sanidade animal, que dentro da Agência representou 46% dessas entregas” completou.

 

Mato Grosso do Sul ocupa a 5ª posição no ranking nacional de produção de soja em grão e o 6º lugar em exportação.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix