Campo Grande/MS, Domingo, 18 de Novembro de 2018 |
27˚
(67) 3042-4141
Política
Terça-Feira, 16 de Outubro de 2018, 10h:17
Tamanho do texto A - A+

Marun diz que não faz campanha, mas “pede aos amigos” que votem em Bolsonaro

Atual ministro do governo Temer disse optar por candidato do PSL no 2º turno das eleições

Leonardo Barbosa
Capital News

EBC/Arquivo

Marun representa o presidente Temer hoje na abertura da Expogrande

Ministro Carlos Marun (MDB) expôs sua preferência, mas disse que não faz campanha para Bolsonaro

O ministro-chefe da secretaria de governo, Carlos Marun (MDB), afirmou em entrevista no Palácio do Planalto nesta segunda-feira (15) que “tem recomendado à seus amigos” que votem em Jair bolsonaro (PSL) no 2º turno das eleições presidenciais. O político afirmou que “mesmo discordando de algumas situações em relação às palavras de Bolsonaro”, entende que seu pensamento encontra mais sinergia com as colocações dele.

 

Marun ainda fez questão de dizer que não mantém nenhum interesse ao votar ou indicar Bolsonaro como presidente. “Não pleiteio nenhum espaço, mas recomendo aos amigos que me perguntam o voto no 17”, disse o ministro.

 

Durante a entrevista, Marun ainda comentou sobre suas escolhas nas últimas eleições, afirmando que nunca votou em Dilma Rousseff (PT), mas que em 1994, votou no ex-presidente Lula, agora preso pela Operação Lava Jato.

 

O ministro também criticou a postura do candidato de seu partido no 1º turno das eleições, Henrique Meirelles (MDB). Para Marun, o candidato emedebista foi “pouco combativo, pouco governo”, o que pode ter afetado seu índice de votos. "Poderia ter sido um pouco mais. Talvez tivesse recebido mais votos", comentou.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix