Campo Grande/MS, Domingo, 18 de Novembro de 2018 |
27˚
(67) 3042-4141
Esporte
Quarta-Feira, 07 de Novembro de 2018, 08h:11
Tamanho do texto A - A+

Paraná Clube é o primeiro time rebaixado no Brasileirão

Mesmo faltando seis rodadas, Tricolor não consegue mais sair da zona de degola

Rogério Vidmantas
Capital News

Twitter Oficial/Paraná Clube

Paraná Clube Vitória

Paraná subiu em 2017 e retorna para disputar a Série B em 2019

O Campeonato Brasileiro teve 32 rodadas concluídas e restam outras seis para se definir, além do campeão, classificados para Copa Libertadores, Sul-Americana e três rebaixados, porque um dos times que vão disputar a Série B em 2019 está certo. Lanterna com apenas 18 pontos, o Paraná Clube-PR não consegue mais alcançar a 16ª posição, agora com o Sport-PE, com 36 pontos, e é o primeiro time rebaixado para segunda divisão. A definição do primeiro rebaixado, aliás, veio no mesmo fim de semana em que o Fortaleza-CE se tornou o primeiro clube a garantir uma vaga na Série A de 2019. 

 

O retorno do Tricolor paranaense para a Série B, de onde saiu em 2017, é justificada. O time conseguiu apenas três vitórias até agora no Brasileirão. A última no dia 22 de julho, ainda no primeiro turno, quando venceu o América-MG por 1 a 0 em Curitiba. Coincidentemente o mesmo adversário na próxima rodada, ou seja, se o Paraná não vencer terá passado por todos os times, um turno completo, sem ganhar uma única partida.

 

Briga contra a queda

 

Mas se o Paraná foi rebaixado, a luta contra o rebaixamento ainda segue aberta no Brasileirão. Apenas seis pontos separam o 19º colocado, a Chapecoense-SC, do Fluminense, que ocupa a 10ª posição na tabela. Entre eles estão Bahia-BA, Corinthians, Vasco da Gama, Botafogo, Ceará-CE, Sport, Vitória-BA e América-MG. Os dois últimos, assim como a Chape, com 34 pontos e na degola. 

 

Na última rodada, o Sport foi o grande beneficiado. Com a vitória sobre o Ceará, ganhou três posições e deixou a zona de rebaixamento pela primeira vez em 13 rodadas.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix