Campo Grande/MS, Segunda-Feira, 22 de Outubro de 2018 |
27˚
(67) 3042-4141
Esporte
Sábado, 09 de Junho de 2018, 18h:01
Tamanho do texto A - A+

Novo enfrenta Iporá em GO por classificação inédita na Série D

Time campo-grandense quer ir mais longe que Sete e Comercial passando mais uma fase

Rogério Vidmantas
Capital News

Anderson Ramos/Capital News

Novo Iporá

No jogo de ida, Novo e Iporá empataram em 2 a 2 no Estádio Morenão

A Série D do campeonato Brasileiro é disputada desde de 2009 e até agora nenhum time de Mato Grosso do Sul atingiu a terceira fase, mas essa afirmação pode mudar neste domingo (10). No Estádio Ferreirão, às 14h30 (MS), o Novo FC enfrenta o Iporá-GO para dar um passo inédito para o futebol estadual. Iguais na partida de ida em 2 a 2, a vaga será do vencedor e, em caso de novo empate, por qualquer placar, disputam a classificação nos pênaltis.

O time campo-grandense vai para a decisão da vaga com a lembrança de que a classificação na primeira fase veio de maneira semelhante. Venceu a Aparecidense-GO na casa do adversário, único resultado que poderia lhe dar um lugar nesta fase. Agora, além do forte adversário, o Novo tem o cansaço pela frente. A delegação deixou a capital sul-mato-grossense por volta das 4h da manhã e chega em Iporá 12 horas depois.

A classificação na primeira fase, que chegou a ser dada como improvável, é um fator importante na motivação dos jogadores, mas não pode ser determinante na opinião de Perpétuo. “Cada jogo tem uma história peculiar e a confiança da equipe em um bom resultado e na classificação tem que vir no nosso trabalho no dia a dia. Sabemos que será um grande jogo contra um adversário muito forte quando joga em casa, mas estamos preparados para esse desafio”, avalia.

Na bagagem, o técnico Ricardo Perpétuo leva um time definido e sem dúvidas. O bom desempenho no jogo do ida faz o treinador manter a escalação agora na volta fora de casa. “Trabalhamos a semana para corrigir erros e buscar a classificação”, afirma. Em Campo Grande, O Novo esteve duas vezes na frente do placar, mas permitiu a igualdade, com o último gol já na reta final da partida.

Assim, o time que treinou durante a semana e começa a partida neste domingo terá Felipe no gol; Douglas, Diego Chiclete, Jeferson e Paulo Henrique; Luizinho, Negueba, Caio Mendes e Emerson Mi; Matheus Ortigoza e João Lucas.

Iporá e Novo jogam com arbitragem paranaense. José Mendonça da Silva júnior é o árbitro, auxiliado por weber Felipe Silva e João Fábio Machado Brischiliari.

Treze na espera

Se avançar, o Novo terá uma viagem longa pela frente na terceira fase. O adversário será o Treze-PB que, nos pênaltis, eliminou o URT-MG. Assim como no jogo de ida, a partida de volta, neste sábado (9), em Campina Grande, terminou empatada em 1 a 1. Ceará marcou para os paraibanos aos 19 minutos do segundo tempo e Léo, aos 49, empatou para os mineiros. No desempate, o Treze foi melhor e venceu por 3 a 2.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix