Campo Grande/MS, Quarta-Feira, 24 de Maio de 2017 | 19:09
27˚
(67) 3042-4141
Esporte
Segunda-Feira, 20 de Março de 2017, 09h:51
Tamanho do texto A - A+

Novo arranca empate com Costa Rica no Morenão

Alviverde sobe para segunda posição e afasta risco de rebaixamento

Gian Nascimento
Capital News

Nyelder Rodrigues/MS Esporte Clube

Andrinho marca duas vezes no fim e Novo arranca empate com Costa Rica

Alviverde conseguiu buscar empate depois de estar perdendo por dois gols de diferença

O Novo provou na tarde deste domingo (19) que o raio pode sim cair duas vezes no mesmo lugar. Assim como já havia acontecido contra o Operário, quando saiu perdendo por 2 a 0 e buscou o empate, o time esmeraldino repetiu o enredo diante do Costa Rica e com dois gols de Andrinho nos minutos finais conseguiu arrancar outro empate em 2 a 2 e encaminhar a classificação à segunda fase.

 

Com chances de confirmar a vaga em caso de vitória, o Novo realmente foi quem mais propôs o jogo, dominando as ações no primeiro tempo e com as oportunidades mais claras de abrir o placar. A primeira delas aconteceu aos 21 minutos, em lance que Jeferson Gibran parou duas vezes no goleiro Daniel e no rebote Andrinho mandou por cima. Três minutos depois, o goleiro salvou novamente em cobrança de falta e já nos minutos finais, Daniel voltou a aparecer em chegada de Gibran, de frente pro gol.

 

A pressão na primeira metade foi tão grande, que o técnico do Costa Rica, Márcio Máximo, mudou o time antes mesmo do intervalo, colocando Wellington no lugar de Carlinhos. A alteração buscava um maior poder de fogo nos contra-ataques e se justificou aos 13 minutos da etapa final, quando Wellington puxou investida pela direita e cruzou para Digão chegar batendo, colocando o time do interior em vantagem no Morenão.

 

Com pontaria ruim, o Novo não conseguia chegar ao gol de empate nas finalizações de média distância, tanto que a melhor chance apareceu aos 26 minutos, pelo ar, em cabeçada do atacante Vilmar que o goleiro Daniel defendeu e no rebote, o centroavante teve outra oportunidade, porém mandou por cima.

 

Se conseguir um gol já estava difícil, a situação ficou ainda mais complicada aos 36 minutos, quando Maílson puxou contra-ataque pela esquerda, invadiu a área e antes de finalizar cortou o marcador, tendo apenas o trabalho de tirar do goleiro Bernardo para abrir dois gols de vantagem que praticamente liquidou o jogo.

 

Praticamente, já que do outro lado estava o Novo, que já se acostumou a desafiar o improvável. Se lançando a frente, o time da capital abriu mão da defesa, tanto que quase o Costa Rica marcou o terceiro aos 41 minutos com Mirandinha, que tirou a marcação com um drible de letra e mandou pra fora. No minuto seguinte, o Novo deu início à recuperação com o gol de Andrinho, que aproveitou cruzamento na área para testar firme, vencendo o goleiro Daniel.

 

No sufoco, o empate quase veio aos 47 minutos, quando Kiko recebeu de frente com o goleiro Daniel, porém não conseguiu finalizar. Ali parecia não ter mais jeito, porém, em lance despretensioso, o alviverde chegou em ataque pela direita e o goleiro Daniel ao tentar ficar com a bola se chocou com Maílson. A bola sobrou livre para Cafu que apenas rolou para Andrinho jogar para rede e garantir o empate salvar ao Novo.

 

Classificação próxima

 

O ponto garantido não só deixa o Novo a um empate da classificação como elimina as chances de rebaixamento, já que a Serc, que agora ocupa a lanterna, não consegue mais ultrapassa-lo na classificação. Já o Costa Rica chega na última rodada podendo garantir um lugar na próxima fase em caso de vitória, porém com chances de rebaixamento com um tropeço. 

 

Com 12 pontos, o time da capital assume a segunda colocação, porém ainda pode cair um lugar na tabela, caso o Comercial some pontos contra o Operário no último jogo da rodada. O Costa Rica vai a nove pontos e fica na quinta colocação, a frente da Serc apenas nos critérios de desempate e com dois pontos a menos que o Comercial e o União/ABC, últimos integrantes do G4.

 

Na última rodada, que acontece no próximo domingo (26), às 15h, o Novo enfrenta o União/ABC, no estádio das Moreninhas, precisando apenas evitar a derrota para avançar. Já o Costa Rica joga contra o Comercial, no estádio Laertão, com a obrigação de vencer para não ser rebaixado e tentar conseguir uma vaga nas quartas de finais.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix