Campo Grande/MS, Domingo, 22 de Outubro de 2017 | 17:50
27˚
(67) 3042-4141
Esporte
Quinta-Feira, 05 de Outubro de 2017, 11h:15
Tamanho do texto A - A+

Nos pênaltis, Londrina derrota o Atlético-MG e conquista Primeira Liga

Tubarão ficou no 0 a 0 com o Galo-MG no tempo normal e contou mais uma vez com o goleiro no desempate

Rogério Vidmantas
Capital News

Divulgação/Bruno Cantini/CAM

Londrina 0 x 0 Atlético-MG Primeira Liga

Robinho foi bem marcado pelos jogadores do Londrina na decisão

O Londrina festeja a conquista da Primeira Liga 2018 em sua participação de estreia. O time paranaense enfrentou, no Estádio do Café, o Atlético-MG e mais de 17 mil torcedores comemoram a conquista do Tubarão. Depois do empate sem gols no tempo normal, o goleiro César, herói na semifinal contra o Cruzeiro, voltou a brilhar, defendeu duas cobranças e garantiu a vitória por 4 a 2.

O primeiro tempo da decisão foi equilibrado, com chances para os dois lados. O Galo assustou aos sete minutos com Alex Silva e o Tubarão aos 18 com Rômulo. Arthur pelos mineiros e Negueba, pelos paranaenses também poderiam marcar, mas pararam nos goleiros adversários.
 
Os visitantes voltaram mais ligados mais ligados no segundo tempo e tomaram a iniciativa da partida. O Galo quase abriu o placar com Valdívia, que por pouco não fez um gol olímpico. Acuado, o Londrina não conseguia furar bloqueio defensivo do Atlético-MG e só assustou aos 20 minutos, em uma cabeçada perigosa de Dirceu. Truncada, a partida caiu de ritmo no Café, sem grandes emoções até o apito final. Sem gols no tempo normal, a taça foi decidida nos pênaltis.

O Londrina começou cobrando com Gilmar, marcando contra Victor. Depois, Fábio Santos empatou para o Galo deslocando César. Edson Silva bateu o segundo e Victor chegou a tocar na bola antes de entrar. Depois, Robinho não deu chance para César e voltou a empatar.

 

Airton marcou o terceiro do Tubarão e aí foi a vez do goleiro César fazer a sua parte. Primeiro defendeu a cobrança de Clayton, viu Dirceu marcar o quarto gol azul e, para encerrar, segurou o chute de Rafael Moura, fechando a disputa em 4 a 2.

FICHA TÉCNICA
LONDRINA 0 (4) X 0 (2) ATLÉTICO-MG Data: 04 de outubro de 2017, quarta-feira Horário: 21h45 (de Brasília)

Final da Copa da Primeira Liga Local: Estádio do Café, em Londrina (PR)

Público: 15.735 pagantes Renda: R$ 383.920,00

Árbitro: Braulio da Silva Machado (SC) Assistentes: Carlos Berckenbrok (RS) e Rafael da Silva Alves (SC)

Cartões amarelos: Ayrton, Negueba e Jardel (LON) Adilson (CAM)

Pênaltis Londrina: Jumar (gol), Edson Silva (gol), Ayrton (gol) e Dirceu (gol) Atlético-MG: Fábio Santos (gol), Robinho (gol), Clayton (goleiro pegou) e Rafael Moura (goleiro pegou)

LONDRINA: César, Lucas Ramon, Dirceu, Edson Silva e Ayrton; Rômulo (Marcinho, aos 23 do 2º), Jumar e Jardel; Artur, Carlos Henrique (Zafira, aos 36 do 2º) e Negueba. Técnico: Cláudio Tencati.

ATLÉTICO-MG: Victor, Alex Silva, Felipe Santana, Gabriel e Fábio Santos; Adilson Elias, Cazares (Marlone, aos 35 do 2º) e Valdívia (Clayton, aos 23 do 2º); Robinho e Fred (Rafael Moura, aos 31 do 2º). Técnico: Oswaldo de Oliveira

Divulgação/Bruno Cantini/CAM

Londrina 0 x 0 Atlético-MG Primeira Liga

Jogadores do Londrina comemoram conquista da Primeira Liga 2018 de forma invicta

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix