Campo Grande/MS, Quinta-Feira, 18 de Outubro de 2018 | 01:49
27˚
(67) 3042-4141
Esporte
Segunda-Feira, 08 de Outubro de 2018, 08h:11
Tamanho do texto A - A+

Fortaleza amplia vantagem e G4 não muda na Série B

Tricolor cearence volta a ter 11 pontos de vantagem sobre o Guarani e pavimenta acesso

Rogério Vidmantas
Capital News

André Costa/O Popular

Atlético Vila Nova

Atlético e Vila ficaram iguais e afastados da zona acesso

Já na reta final da competição, a Série B do Campeonato Brasileiro teve a 30ª rodada neste fim de semana com mostras de que os times que estão no G4 estão consolidando o caminho para o acesso para a primeira divisão nacional em 2019. Líder, o Fortaleza-CE venceu mais uma e abriu vantagem de 11 pontos sobre o quinto colocado, voltando a sua melhor vantagem em relação ao quinto colocado. Goiás-GO, CSA-AL e Avaí-SC seguem nas mesmas posições que começaram a rodada e ainda contaram com tropeços de times que pensavam em ganhar posições.

Entre os principais resultados da rodada, o Fortaleza foi à Caxias do Sul e venceu a terceira partida seguida ao bater o Brasil-RS por 1 a 0 e foi à 56 pontos. O Goiás, em casa, ficou no 0 a 0 com o Londrina-PR e viu o CSA empatar na pontuação ao bater o Paysandu-PA por 1 a 0. Ambos somam 50 pontos, com vantagem para os goianos no número de vitórias. A quarta posição é do Avaí, que venceu o Boa Esporte-MG por 2 a 0 e soma 48.

Os times que poderiam entrar nesta disputa acabaram não tendo bons resultados na rodada. O quinto colocado Guarani-SP foi derrotado pelo São Bento-SP e seguiu com os mesmos 45 pontos. Junto com o Bugre agora estão Atlético-GO e Vila Nova-GO que empataram o clássico em 2 a 2, resultado que manteve ambos sem poder se aproximar do G4. 

Na zona de rebaixamento, também nada de novidades. Derrotados, CRB-AL, Paysandu e Boa Esporte, na lanterna, seguem entre os últimos. O único vencedor do Z4 foi o Sampaio Côrrea-MA, que manteve as chances do time de escapar da degola, mas insuficiente para tirar o time da penúltima posição.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix