Campo Grande/MS, Quinta-Feira, 20 de Julho de 2017 | 22:54
27˚
(67) 3042-4141
Esporte
Sexta-Feira, 14 de Julho de 2017, 18h:18
Tamanho do texto A - A+

Figueirense abre rodada em busca de vitória para sair da zona de rebaixamento

Três jogos acontecem nesta sexta, com equipes tentando se aproximar das primeiras posições

Gian Nascimento
Capital News

Luiz Henrique

Figueirense abre rodada em busca de vitória para sair da zona de rebaixamento

Diante do Brasil de Pelotas, Figueira precisa vencer para respirar na tabela de classificação

Três jogos abrem a 14ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro nesta sexta-feira (14). Com quase todas as equipes que entram em campo ocupando posições intermediárias na tabela de classificação, o grande interessado nesta abertura de rodada é o Figueirense, que tem a chance de deixar a zona de rebaixamento após três rodadas.

O desafio, porém, não promete ser dos mais fáceis. O Figueira visita o Brasil, em Pelotas, às 18h15, no estádio Bento de Freitas. O time venceu apenas uma vez nos últimos dez jogos e tenta se recuperar na classificação, podendo colocar o Paysandu no grupo dos quatro últimos.

Para o confronto, o técnico Marcelo Cabo tem dois desfalques: o volante Zé Antônio cumpre suspensão e o atacante Jorge Henrique está fora da partida por lesão.  Já o Brasil de Pelotas, com 17 pontos na tabela e na 11ª posição, tenta o triunfo em casa para se aproximar do G-4.

O Oeste/SP recebe o Paraná às 19h30 na Arena Barueri, em Barueri/SP, em duelo no qual ambas as equipes têm olhos nas primeiras colocações da Série B. O time paulista tem 16 pontos, um a menos que o Tricolor, podendo engrenar na competição e deixar para trás as ameaças do Z-4.

Para fechar a sexta-feira de Série B, uma hora mais tarde, Criciúma/SC e Goiás se enfrentam no estádio Heriberto Hülse. As equipes estão empatadas com 17 pontos na tabela de classificação, separadas pelo número de vitórias: uma a mais para o Esmeraldino. Um resultado positivo garante ao vencedor a chance de correr mais perto da luta por uma vaga no G-4. 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix