Campo Grande/MS, Terça-Feira, 22 de Agosto de 2017 | 11:05
27˚
(67) 3042-4141
Economia
Quinta-Feira, 10 de Agosto de 2017, 10h:01
Tamanho do texto A - A+

Comércio espera injeção de R$ 80 milhões com o ‘Dia dos Pais’

Data comemorativa estimula a compra de presentes que na média custam R$ 124 no Estado, conforme aponta estudo do Sebrae-MS e da Fecomércio-MS

Danilo Galvão
Capital News

Reprodução

Comércio espera injeção de R$ 80 milhões com o ‘Dia dos Pais’

Crise fará lojas terem queda de R$ 13 milhões na mesma campanha de data comemorativa

Os presentes para o ‘Dia dos Pais’ deve gerar um volume de vendas na ordem de R$ 80 milhões no Estado, segundo expectativa da Fecomércio (Federação do Comércio do Mato Grosso do Sul) e da Superintendência Regional do Sebrae (Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas). No ano passado, a previsão para a mesma época era de um aquecimento nessa área da economia de R$ 93 milhões.

A diferença entre os dois prognósticos mostra uma possível influência da crise que, no entanto, não pode ser explicada pela promessa de gasto médio com os presentes na data comemorativa. Se no ano passado a idéia girava em torno de R$ 100, em 2017 o investimento deve ser mais generoso em R$ 24.

O levantamento encomendado pelas duas entidades entrevistou pessoas em 12 dos 79 municípios do Mato Grosso do Sul, e informa que reduzir preços por conta do “Dia dos Pais” não é um negócio aconselhável devido a outra constatação da abordagem consultiva. Somente 27% dos que participaram da pesquisa falaram em presentear alguém na data.

Do grupo que não deixará o “Dia dos Pais” passar em branco, a pretensão maior é a de que a lembrança seja algum artigo de vestuário, com lembrança de 33,2% dos que irão gastar. Já, outras idéias de presente ficam com uma distribuição mais equilibrada na pesquisa: 13,8% calçados, 13% perfumes, 10,7% carteira/cinto, 13,9% não sabem e 9,1% falam de outros tipos de lembrança.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix